Fernando Tupan
De Londrina
Abatido com a desclassificação da Argentina, o técnico José Pekerman justificou o fracasso no Pré-Olímpico culpando o pouco tempo que teve para preparar o selecionado Sub-23. Os jornalistas argentinos tentaram fazer uma lavagem de roupa suja, mas o treinador evitou falar sobre os problemas internos. Disse que o horário e o local não eram apropriados.
Os jogadores foram poupados de críticas pelo treinador. ‘‘Não alcançamos o objetivo que era a classificação para os Jogos Olímpicos e não consegui-lo é um fracasso. A Argentina não merecia perder, mas temos que respeitar o resultado. O Chile ficou atrás e conseguiu marcar um gol e não tivemos tempo de superar o placar adverso. Queríamos encontrar o futebol com o melhor jogo, o que não aconteceu’’.
Os jogadores argentinos preferiram não comparecer à entrevista coletiva. Mesmo assim não faltaram críticas para os muitos problemas físicos do atual elenco. ‘‘Alguns jogadores não estavam em condições físicas ideais, como foram os casos de Riquelme e Biagini. Faltou treinamento para detectar os problemas. Daí não conseguirmos encontrar o equilíbrio fundamental para nossa classificação’’, disse Pekerman.
Pekerman ressaltou que o cronograma de trabalho das categorias de base será reestruturado. ‘‘Vamos fazer ajustes na planificação do futebol juvenil. Não queremos sofrer outros golpes duros como este. Há cinco anos fizemos nosso plano de trabalho e agora está na hora de modificá-lo para corrigir alguns pontos falhos.’’