|
  • Bitcoin 103.924
  • Dólar 5,3317
  • Euro 5,5605
Londrina

Esporte

m de leitura Atualizado em 17/05/2022, 18:31

Douglas Souza diz que quebrar preconceitos e tabus sempre foi seu propósito

PUBLICAÇÃO
terça-feira, 17 de maio de 2022


AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Primeiro jogador da seleção brasileira de vôlei a declarar publicamente ser homossexual, Douglas Souza viralizou nas Olímpiadas de Tóquio e angariou milhares de seguidores nas redes sociais. Agora usa sua influência como mais uma voz no combate à homofobia. Em entrevista ao Gshow nesta segunda-feira (17), Dia Internacional contra a Homofobia, o atleta comentou a importância de ser um influenciador, especialmente sobre este tema.

"Sou muito grato a todo espaço que venho ganhando e esse sempre será um dos meus propósitos, quebrar tabus e preconceitos principalmente acerca da comunidade LGBTQIAP+. É um trabalho muito desafiador enfrentar uma sociedade que ainda insiste em padrões, que comete crimes porque não aceita um jeito de se expressar e uma alternativa de amar."

Douglas ressalta que a luta contra a homofobia não é somente de pessoas da comunidade LGBTQIA+. "Qualquer pessoa pode lutar contra a homofobia. O direito de ser livre é de todos, e quando o ser humano entender isso, nós vamos evoluir para outro patamar, onde todos serão beneficiados."

Ele conta que, por ser homossexual, já foi vítima de preconceito e que muitas vezes não entendeu o julgamento das pessoas acerca de sua sexualidade.

"Lembro de brincadeiras de mal gosto que nos deixam com aquele sorriso amarelo, ou sem entender o que está acontecendo. O preconceito ainda existe, não só comigo, tem muita evolução pela frente ainda. Sem dúvida um dos meus sonhos é viver esse mundo onde as pessoas se respeitam como elas são."

CARREIRA DE ATLETA E DE INFLUENCIADOR

Longe das quadras desde dezembro de 2021 e aposentado da seleção brasileira desde março, Douglas recentemente anunciou que fechou contrato com um novo clube. Na entrevista, ele falou que pretende conciliar a carreira de atleta e a de influenciador, que se potencializou depois das Olimpíadas.

"E depois disso comecei a ser convidado para mais trabalhos, eventos e, claro, vou conciliando tudo da melhor forma. Estou curtindo, fico muito feliz de entreter o público dentro e fora das quadras e espero que a minha história e o meu trabalho possa caminhar inspirando outras pessoas a serem o que elas quiserem e acreditarem nos seus talentos."

O atleta também comentou sobre sua participação no Dança dos Famosos. "Está sendo uma experiência maravilhosa. Sempre assisti ao quadro. É bem trabalhoso, cada coreografia exige muito tempo e dedicação, mas é um aprendizado, algo novo que tem sido muito prazeroso."