|
  • Bitcoin 102.490
  • Dólar 5,3317
  • Euro 5,5605
Londrina

Esporte

m de leitura Atualizado em 25/05/2022, 15:52

Corinthians pode ter retornos em jogo decisivo pelo mata-mata da Libertadores

PUBLICAÇÃO
quarta-feira, 25 de maio de 2022


AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Nesta quinta-feira (26), o Corinthians recebe o Always Ready, da Bolívia, às 21h (de Brasília) pela última rodada da fase de grupos da Copa Libertadores. O jogo é decisivo para o time alvinegro, que precisa de pelo menos um empate para garantir vaga no mata-mata da competição.

O Corinthians é vice-líder do Grupo E, com oito pontos, mesma quantidade do líder Deportivo Cali, que vence no saldo de gols. O Boca Juniors, em terceiro, soma sete pontos, e o Always Ready vem por último, com quatro pontos. Somente os dois melhores de cada grupo avançam às oitavas na Libertadores.

Boca Juniors e Deportivo Cali se enfrentam também nesta quinta-feira, no mesmo horário, para fechar a classificação final do Grupo E.

O Corinthians voltou nesta terça-feira (24) aos treinos com bola no CT Joaquim Grava, após o empate do último domingo (22), com o São Paulo, em 1 a 1, pelo Campeonato Brasileiro. A novidade do dia ficou por conta dos retornos do meio-campista Luan, recuperado de um incômodo na região do quadril, e também do lateral-direito João Pedro, livre das dores musculares que o tiraram dos últimos jogos. O goleiro Cássio segue com a equipe de fisioterapia e é dúvida para o duelo desta quinta-feira.

O departamento médico e a equipe de preparação física liberaram Luan e João Pedro para os trabalhos com bola sem qualquer tipo de restrição de movimentos. Os dois agora estão sob supervisão do técnico Vítor Pereira e participaram nesta terça-feira da atividade tática e também dos exercícios de ataque com passes, triangulações, cruzamentos e chutes ao gol. A tendência, no entanto, é que ainda não sejam relacionados nesta quinta-feira.

O goleiro Cássio não chegou a ir a campo e ficou na academia trabalhando com os fisioterapeutas do clube para se recuperar da subluxação no ombro esquerdo, lesão sofrida nos minutos finais do clássico contra o São Paulo. Já o lateral Fagner segue em transição física e também é dúvida para o jogo contra o Always Ready, mas se liberado, deve estar no time inicial em campo.

Para completar a atividade no CT Joaquim Grava, a comissão técnica convocou os zagueiros Alemão e Robert Renan (2003); o lateral-esquerdo Vitor Meer (2004); e os meio-campistas Breno Bidon (2005), Matheus Araújo (2002) e Ryan (2003) — todos atletas das categorias de base do time alvinegro.

Outras ausência confirmadas para a decisão na Libertadores são o zagueiro Raul Gustavo, suspenso após tomar o terceiro cartão amarelo, o meio-campista Victor Cantillo e o próprio técnico Vítor Pereira, que tomaram cartão vermelho na última rodada e estão suspensos. Com isso, uma provável escalação inicial do técnico Corinthians tem: Matheus Donelli (Cássio), Fagner, João Victor, Gil e Fábio Santos; Du Queiroz, Giuliano e Renato Augusto; Róger Guedes (Willian), Gustavo Mosquito (Adson) e Júnior Moraes (Jô).

ALWAYS READY VEM A SÃO PAULO COM EQUIPE QUASE TODA RESERVA

Adversário do Corinthians na última e decisiva rodada da fase de grupos da Copa Libertadores, o Always Ready vem a São Paulo com uma equipe reserva. Já eliminados da competição continental, os bolivianos focam na partida do próximo domingo (29), contra o Atlético Palmaflor, e optaram por poupar os titulares da viagem ao Brasil.

"Sim, temos que cumprir tabela. O jogo não interfere para nós, mas temos que cumprir e vamos tentar fazer da melhor maneira. Vamos usar jogadores reservas do clube, e vai ser importante para nós e para eles jogarem essa partida", afirmou o técnico Eduardo Villegas em entrevista à TV oficial do clube nas redes sociais.

O Always Ready está nas quartas de final do Campeonato Boliviano e não tem mais chances de classificação às oitavas de final da Copa Libertadores. A equipe ainda possui possibilidades matemáticas de terminar a fase de grupos na terceira colocação e, desta forma, garantir a vaga no mata-mata da Copa Sul-Americana. Para isso, no entanto, precisaria vencer o Corinthians em Itaquera e torcer para o Boca Juniors ser derrotado pelo Deportivo Cali na Bombonera.

Ciente da dificuldade da combinação de resultados, a comissão técnica do Always optou em poupar seus principais jogadores e viajou ao Brasil com 17 atletas em sua delegação. Uma provável escalação do time colombiano tem: Galarza; Valda, Martínez, Claure e Añazgo; Blanco, Mamani, Cortés e Borja; Torres e Ramallo.

Estádio: Neo Química Arena, em São Paulo (SP)

Horário: Às 21h (de Brasília) desta quinta-feira (26)

Árbitro: José Argote (VEN)

Transmissão: ESPN, Facebook e Star+