O atacante Marcelinho Carioca poderá ser punido pelo Corinthians por causa da sua expulsão (a segunda em uma semana) na derrota, de virada, por 3 a 2, diante do Olimpia, do Paraguai, quarta-feira, em Assunção, na despedida da equipe da Copa Mercosul. O técnico Candinho saiu de campo irritado com Marcelinho e disse que deverá ter uma reunião com ele. ‘‘Ele é capitão do time e não poderia ter feito isso’’, afirmou o treinador. Na quarta-feira da semana passada, Marcelinho havia sido expulso na derrota do Corinthians para o Bahia por 2 a 1, em Salvador, pela Copa João Havelange.