São Paulo, 08 (AE) - O zagueiro Adílson disse que não vai mudar sua forma de jogar na partida de amanhã contra o Palmeiras, às 20h30, no Morumbi, pelo Torneio Rio-São Paulo. O jogador corintiano foi taxado pelo atacante palmeirense Pena no primeiro jogo entre as duas equipes, na vitória do Corinthians por 2 a 1, como "violento e desleal". "Não tenho nada a dizer; se der vou antecipar a jogada, senão chegou junto, pois este é meu estilo", disse Adílson.
O zagueiro não concordou com as críticas de Pena. "Cheguei firme na marcação também contra o Euller, contra o Asprilla e só ele (Pena) reclamou; não sei o porquê." Adílson descartou a possibilidade de um clima de revanche no jogo de amanhã. "Cada jogo é um jogo, aquele já passou e faz parte do passado."
Adílson mostrou-se mais preocupado com o sistema tático adotado pelo técnico Edson Barbosa, que, mais uma vez, vai escalar três zagueiros: Adílson, Marcelo e Fábio Luciano. "Ainda necessitamos de mais tempo, mas já está visível que a defesa fica menos exposta." O zagueiro disse que foram poucas as chances obtidas pelos adversários nas últimas partidas, após a adoção do sistema 3-5-2. "Nos jogos contra Vasco, Palmeiras e Fluminense tivemos poucas falhas e sofremos pouca pressão dos adversários; a defesa fica mais protegida. Em quatro partidas pelo Rio-São Paulo, o Corinthians sofreu três gols.
TIME - O técnico Edson Barbosa não anunciou a equipe que vai atuar no clássico. "Vamos estudar o Palmeiras", limitou-se a dizer o treinador. O volante Gilmar, com amidaglite, é dúvida. Caso ele não possa jogar, será substituído por Andrezinho, que entrou como titular contra o Fluminense, na vitória por 1 a 0, sábado, no Maracanã. O Corinthians soma 6 pontos e está um atrás de Palmeiras e Vasco. Ficha Técnica: Corinthians - Maurício; Adílson, Marcelo e Fábio Luciano; Daniel
Gilmar (Andrezinho), Marcos Sena, Edu e Augusto; Dinei e Fernando Baiano. Técnico - Edson Barbosa. Juiz - Léo Feldman Local - Morumbi Horário - 20h30. TV - Sportv/Globosat (menos para a cidade de São Paulo) e Premiére pay-per-view.