|
  • Bitcoin 148.280
  • Dólar 4,8801
  • Euro 5,1669
Londrina

Esporte

m de leitura Atualizado em 16/03/2022, 11:30

Corinthians anuncia a chegada do centroavante Júnior Moraes, ex-Shakhtar

PUBLICAÇÃO
quarta-feira, 16 de março de 2022

YAGO RUDÁ
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (UOL-FOLHAPRESS) - O Corinthians anunciou nesta quarta-feira (16) a contratação do atacante Júnior Moraes até o fim da temporada de 2023. O jogador estava no Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, e teve seu contrato suspenso por conta da guerra no país do leste europeu. Por conta disso, ficou livre no mercado da bola e despertou o interesse do clube do Parque São Jorge. O centroavante chega para disputar posição com Jô, o único nome da posição no elenco.

Para selar o negócio, o Corinthians não precisou gastar um centavo sequer com a transferência. O clube se beneficiou da suspensão do contrato de Júnior Moraes com o Shakhtar até o fim de junho deste ano. Após esta data, o atleta ficaria livre para decidir seu futuro, o que deu segurança ao Corinthians para assinar um vínculo válido por quase dois anos com um salário na casa de R$ 550 mil mensais.

Brasileiro naturalizado ucraniano, o centroavante tem o aval do técnico português Vítor Pereira para atuar no Corinthians. A comissão técnica havia pedido um jogador com características ofensivas à diretoria, que prontamente foi ao mercado da bola e se acertou com Júnior Moraes — que havia utilizado as instalações do CT Joaquim Grava no ano passado para se recuperar de uma cirurgia de reconstrução do ligamento no joelho direito.

Com a chegada de Júnior Moraes, o Corinthians chegou a cinco reforços contratados para esta temporada (o goleiro Ivan, o zagueiro Robson Bambu, o meio-campista Paulinho, o polivalente defensor Bruno Melo e agora Júnior Moraes). O novo centroavante do Timão tem a missão de ajudar a equipe na disputa do Campeonato Paulista — pode ser inscrito para a fase mata-mata —, Copa do Brasil, Campeonato Brasileiro e Copa Libertadores. O jogador vinha mantendo a rotina de treinos em Santos. Dessa forma, não deve precisar de um longo período de preparação para estrear.

O novo camisa 9 do Alvinegro do Parque São Jorge foi revelado nas categorias de base do Santos e soma passagens por Ponte Preta, Santo André, Gloria Bistrita (Romênia), Metalurgh Donetsk (Ucrânia), CSKA Sofia (Bulgária), Dínamo de Kiev (Ucrânia), Tianjin Tianhai (China) e Shakhtar Donetsk (Ucrânia).

BUSCA POR CENTROAVANTE DE PESO AINDA NÃO TERMINOU

Mesmo com o acerto com o camisa 9, a diretoria do Corinthians segue em busca de um centroavante que traga impacto midiático ao clube e com uma carreira consolidada no futebol internacional. No primeiro bimestre do ano, o presidente Duilio Monteiro Alves chegou a demonstrar interesse nos uruguaios Cavani e Suárez, e negociou com o ex-atleticano Diego Costa, porém não chegou a um consenso com o brasileiro e encerrou as conversas.

O Corinthians começou a temporada apenas com o experiente Jô como centroavante de ofício. Por isso, em alguns jogos, Róger Guedes teve de se virar atuando como homem de referência no ataque. O português deu o aval para a diretoria fechar a contratação e vê em Júnior Moraes a possibilidade de melhorar o jogo coletivo da equipe e utilizar novos esquemas táticos.

CONVERSA RÁPIDA

Ao contrário de outras negociações do clube em meses passados, as conversas com Júnior Moraes foram rápidas e pouco burocráticas. Isto porque, o atacante passou pelo CT Joaquim Grava no ano passado quando utilizou a estrutura do Corinthians para se recuperar de uma cirurgia de reconstrução do ligamento no joelho direito. No período, fez amizade com a diretoria, membros do staff do clube e também com atletas do elenco.

Responsável por intermediar as negociações, o empresário Rafael Brandino possui boa relação com a cúpula corintiana. Afinal, o agente foi responsável por costurar a venda do lateral Carlos Augusto ao Monza, da Itália, no segundo semestre de 2020 por 4 milhões de euros (R$ 25,7 milhões na cotação da época), e está acostumado a lidar com o presidente Duilio Monteiro Alves.

Quando a Fifa optou em suspender os contratos dos clubes russos e ucranianos por conta da guerra entre os dois países, o Corinthians enxergou a possibilidade de contratar um centroavante sem a necessidade de compra e conversou com Brandino. O agente agiu rápido para acertar a documentação e selar a transferência, visto que Moraes despertava o interesse de clubes europeus e também de outras equipes brasileiras, mas deu prioridade ao Timão pela projeção que teria nesta temporada.