|
  • Bitcoin 150.085
  • Dólar 4,9314
  • Euro 5,2219
Londrina

Esporte

m de leitura Atualizado em 06/04/2022, 12:07

Carrasco em 2018, De Bruyne vê Brasil favorito e Bélgica correndo por fora

PUBLICAÇÃO
quarta-feira, 06 de abril de 2022


AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Nas quartas de final da Copa do Mundo de 2018, o Brasil, apontado como um dos favoritos ao título, foi eliminado pela Bélgica, após derrota por 2 a 1. O meia Kevin De Bruyne, do Manchester City, autor de um dos gols belgas na ocasião, opinou que a seleção brasileira é uma das favoritas ao título no no próximo Mundial, que será realizado no Qatar, em dezembro.

O meio-campista ainda disse que a Bélgica perdeu jogadores importantes desde a última Copa do Mundo, aposentados, e colocou a própria seleção como uma equipe que "corre por fora" na briga pela taça, que seria inédita para os belgas.

"O Brasil é sempre um dos favoritos, tem uma grande equipe. Sobre a Bélgica, nós perdemos alguns jogadores, que se aposentaram da seleção, mas temos um grande time. Acho que estamos correndo por fora, mas somos concorrentes. Mas vamos dar o máximo. Estou bastante ansioso", disse o jogador do City em entrevista à TNT Sports.

Em 2018, após eliminar o Brasil, a Bélgica foi derrotada pela França por 2 a 0 nas semifinais e conquistou o terceiro lugar após vencer a Inglaterra pelo mesmo placar, conseguindo a melhor campanha do país na história dos mundiais.

CAMINHOS DEFINIDOS

Em 2022, Bélgica e Brasil já conhecem seus caminhos na fase de grupos da Copa do Mundo. Os belgas estão no Grupo F, como cabeças de chave, ao lado de Canadá, Marrocos e Croácia - atual vice-campeã mundial.

O Brasil também é cabeça de chave. A seleção comandada por Tite está no Grupo G, ao lado de Sérvia, Suíça e Camarões.