O Real Madrid teve o jogo nas mãos nos primeiros 11 minutos da partida contra a Real Sociedad, ontem, no Anoeta, pela segunda rodada do Campeonato Espanhol. Com facilidade fez 2 a 0, ameaçou golear e iludiu quem acompanhava o jogo. O adversário frágil do início cresceu nos erros do gigante da capital e virou a partida para 4 a 2, concretizando um resultado incrível e histórico no futebol do país.
Com a derrapada, os merengues já ficam três pontos atrás do líder Barcelona. Já os bascos aparecem no meio da tabela, somando os três primeiros pontos.
Apesar de não ter Cristiano Ronaldo, o Real Madrid veio para mostrar o tamanho da diferença para os donos da casa. Sergio Ramos, de cabeça, abriu o placar. Logo depois, Bale deu uma caneta no marcador e ampliou com um golaço.
Sem Xabi Alonso, o sistema de marcação do Real apresentou muitas falhas. Iñigo Martínez deu o recado a Carlo Ancelotti antes do intervalo e descontou.
O segundo tempo foi da Real Sociedad e expôs o grande problema da campeão europeu: a bola aérea. Zurutuza, duas vezes, e Vela viraram o placar, levando o Anoeta à loucura.

Barça vence e não convence
Com um gol solitário de Sandro, o Barcelona derrotou o Villarreal por 1 a 0, no El Madrigal. Recuperado de lesão no tornozelo esquerdo, Neymar entrou no segundo tempo.

Imagem ilustrativa da imagem CAMPEONATO ESPANHOL