|
  • Bitcoin 151.008
  • Dólar 5,0617
  • Euro 5,2708
Londrina

Esporte

m de leitura Atualizado em 29/03/2022, 09:44

Brasileira que pertence ao Barcelona denuncia abuso psicológico no clube

PUBLICAÇÃO
terça-feira, 29 de março de 2022


AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (UOL-FOLHAPRESS) - A atacante Giovana Queiroz, que pertence ao Barcelona e está emprestada ao Levante, publicou em suas redes sociais uma carta aberta ao presidente do Barcelona, Joan Laporta, denunciando abusos psicológicos que sofreu dentro do clube catalão.

Gio também denuncia um confinamento ilegal que ela foi submetida no início do ano passado. Ela entrou em contato com o Departamento de Saúde da Catalunha pedindo explicações, e eles afirmaram que ela não precisa estar em isolamento.

Depois de cumprir a quarentena imposta pelo clube, a atacante se juntou à seleção brasileira nos Estados Unidos e ao regressar ao Barça foi acusada de cometer uma grave indisciplina.

Apesar da denuncia, a jogadora de 18 anos afirmou que o Barcelona não é responsável direto pela condutas abusivas. Mas ressaltou que espera que o time azul e grená tome as devidas providências.