|
  • Bitcoin 103.059
  • Dólar 5,3317
  • Euro 5,5605
Londrina

Esporte

m de leitura Atualizado em 15/05/2022, 20:20

Botafogo vira no final sobre o Fortaleza e entra no G-4 do Brasileiro

PUBLICAÇÃO
domingo, 15 de maio de 2022

LEO BURLÁ
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

RIO DE JANEIRO (UOL/FOLHAPRESS) - Em jogo marcado por equilíbrio no Nilton Santos, o Botafogo venceu o Fortaleza por 3 a 1, neste domingo (15), em duelo válido pelo Campeonato Brasileiro. Os dois últimos gols que consolidaram a vitória do time carioca foram marcados depois dos 43 minutos do segundo tempo.

Aos 13 minutos do primeiro tempo, o atacante Moisés, do Fortaleza abriu o placar. O assistente anotou impedimento, mas o VAR revisou o lance e confirmou o gol. Ainda na etapa inicial, aos 39 minutos, Ceballos levou a segunda advertência e foi expulso por falta em Saravia, o que fez com que o Leão jogasse com um a menos.

Dois minutos depois, Cuesta cruzou e Erison se antecipou para cabecear e empatar o jogo. Aos 9 do segundo tempo, Erison virou o placar, mas o VAR apontou impedimento do atacante na revisão.

Mesmo com um a mais em campo, o Botafogo não mostrou repertório para criar possibilidades e o Leão seguiu organizado mesmo com a desvantagem numérica. Quando a partida se encaminhava para o fim, Patrick de Paula, que entrou na etapa final, marcou o gol que mudou o rumo do duelo. Aos 48, Daniel Borges ampliou.

Com o resultado, o Alvinegro entrou no G-4, e o Fortaleza continuou a amargar a lanterna do Brasileirão.

No próximo sábado (21), o Botafogo visita o América-MG, 21h, no Independência. O Leão, por sua vez, tem missão pela Libertadores. Na quarta (18), a equipe encara o Alianza (PER), 23h, no Estádio Nacional de Lima.

BOTAFOGO

Gatito Fernández; Saravia (Hugo), Kanu, Cuesta e Daniel Borges; Oyama, Tchê Tchê (Patrick de Paula) e Lucas Fernandes (Chay); Victor Sá, Diego Gonçalves (Vinícius Lopes) e Erison. T.: Luís Castro

FORTALEZA

Marcelo Boeck; Tinga, Marcelo Benevenuto e Ceballos; Yago Pikachu, Felipe, Hércules, Lucas Lima (Renato Kayzer) e Lucas Crispim (Igor Torres); Moisés (Juninho Capixaba) e Silvio Romero (Romero). T.: Juan Pablo Vojvoda

Onde: Estádio Nilton Santos

Data: Domingo (16), às 18h (horário de Brasília)

Árbitro: Jefferson Ferreira de Moraes (GO)

Assistentes: Alessandro Alvaro Rocha de Matos (BA) e Fabricio Vilarinho da Silva (GO)

VAR: Daiane Caroline Muniz dos Santos (SP)

Gols: Moisés, aos 13 minutos do primeiro tempo; Erison, aos 41 minutos do primeiro tempo; Patrick de Paula, aos 43 minutos do segundo tempo

Cartões amarelos: Ceballos (FOR); Diego Gonçalves, Kanu, Patrick de Paula (BOT)

Cartões vermelhos: Ceballos (FOR)