|
  • Bitcoin 151.647
  • Dólar 5,0430
  • Euro 5,2646
Londrina

Esporte

m de leitura Atualizado em 17/04/2022, 21:11

Botafogo vence Ceará com dois de 'El Toro' na estreia de Luís Castro

PUBLICAÇÃO
domingo, 17 de abril de 2022


AUTOR autor do artigo

menu flutuante

RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS) - Em um jogo bem movimentado que fechou a segunda rodada do Campeonato Brasileiro, o Botafogo foi eficiente taticamente e venceu o Ceará por 2 a 1 na Arena Castelão, em Fortaleza (CE), neste domingo (17), em disputa que marcou a estreia do técnico português Luís Castro à beira do campo. Os gols foram marcados por Victor Sá e Erison, para os cariocas, e Lima, para os cearenses.

Embora já estivesse comandando treinamentos, Castro ainda não tinha ficado à frente do banco de reservas por questões burocráticas. Seu visto de trabalho foi obtido somente nesta semana, algo que o permitiu trabalhar neste domingo mais próximo de seus jogadores. Na primeira rodada, na derrota para o Corinthians por 3 a 1, ele acompanhou da tribuna do Nilton Santos (RJ).

O Ceará, por sua vez, perdeu a oportunidade de estar no G-4, já que havia vencido o Palmeiras fora de casa na estreia.

Na próxima rodada, o Ceará tem o eletrizante clássico contra o Fortaleza. Já o Botafogo visita o Atlético-GO em Goiânia (GO).

O Ceará até tinha volume de jogo, mas não conseguiu ser efetivo, criando oportunidades reais. Em contrapartida, cedeu muitos espaços ao Botafogo.

O Botafogo fez uma partida muito inteligente taticamente. Na defesa, foi compacto. No contra-ataque, foi mortal, não desperdiçando suas oportunidades. A intensidade tão cobrada pelo técnico Luís Castro foi notada.

Contratação que custou cerca de R$ 13 milhões ao Botafogo, Victor Sá fez seu primeiro gol com a camisa alvinegra ao concluir com categoria, aos 16 minutos do primeiro tempo, após bom passe de Erison.

O gol de empate do Ceará veio aos 41 minutos do primeiro tempo, quando Lima pegou rebote com um chute de primeiro, no canto do goleiro Diego Loureiro, que nada pôde fazer.

Aos 14 minutos do segundo tempo, Erison aproveitou uma cobrança de falta pela esquerda, invadiu a pequena área e, de cabeça, colocou o Botafogo na frente de novo.

Aos 34, Romildo invadiu a área e foi derrubado por Luiz Otávio. Pênalti que Erison cobrou muito bem, no canto direito do goleiro do Ceará.

CEARÁ

João Ricardo; Nino Paraíba, Messias, Luiz Otávio e Bruno Pacheco; Richard Coelho, Rodrigo Lindoso, Richardson e Lima; Mendoza e Zé Roberto. T.: Dorival Júnior

BOTAFOGO

Diego Loureiro, Saravia, Philipe Sampaio, Kanu e Hugo; Patrick de Paula, Oyama e Chay (Romildo); Diego Gonçalves (Vinícius Lopes), Victor Sá e Erison. T.: Luís Castro

Estádio: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)

Árbitro: Raphael Claus (FIFA / SP)

Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis (Fifa/SP) e Neuza Ines Back (Fifa/SP)

VAR: Rodrigo D Alonso Ferreira (SC)

Cartões amarelos: Chay, Diego Loureiro, Kayque e Saravia (BOT); Bruno Pacheco (CEA)

Cartões vermelhos: Lima (CEA)

Gols: Victor Sá (BOT), aos 16', Lima (CEA), aos 41'/1ºT; Erison (BOT), aos 14' e aos 34' /2ºT