Austrália surpreende e vence Argentina em estreia no futebol de Tóquio-2020


SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - No retorno aos Jogos Olímpicos, a seleção de futebol masculino da Austrália surpreendeu e venceu a bicampeã Argentina, nesta quinta-feira (22). O triunfo por 2 a 0 foi construído com gol de Wales e Tilio. A seleção albiceleste ficou com um a menos durante todo o segundo tempo, após Ortega ser expulso no fim da etapa inicial.

Com o resultado, a Austrália, que disputou as Olimpíadas pela última vez em Pequim 2008, chega à liderança do Grupo C, com três pontos. Espanha, apontada como uma das favoritas, e Egito têm um, enquanto a Argentina ainda não pontuou.

Na próxima rodada, que acontece no domingo, a equipe comandada por Graham Arnold enfrenta a Espanha, enquanto a Argentina enfrenta o Egito.

A seleção masculina de futebol da Austrália volta a participar dos Jogos Olímpicos depois de ficar fora das edições de Londres, em 2012, e Rio de Janeiro, em 2016. Já a Argentina luta pelo tri. Na galeria de títulos do país na modalidade, há o ouro em 2004 e 2008.

O primeiro tempo do jogo foi animado, com as duas seleções achando espaços e criando oportunidades. O gol, inclusive, não tardou a acontecer. Aos 13 minutos, King recebeu lançamento longo na esquerda, dominou e cruzou. Wales, nas costas da defesa, aproveitou e balançou a rede.

A partir daí o que se viu foi o time do técnico Fernando Batista insistindo pelo empate — Valenzuela e Colombatto assustaram, e Barco carimbou o travessão —, mas deixando lacunas na parte defensiva. Em uma das investidas australianas, McGree recebeu na área e emendou uma bicicleta, mas Ledesma pegou.

No fim da primeira etapa, a situação da Argentina ficou um pouco mais complicada. Ortega cometeu falta e recebeu amarelo. Enquanto aguardavam a cobrança para a área, Ortega e McGree trocaram empurrões na área, o que fez o árbitro punir os dois com cartão amarelo, que virou vermelho no segundo do camisa 19.

Na volta do intervalo, as seleções buscaram manter o ritmo. Ainda antes do primeiro minuto, a Austrália quase ampliou, quando Duke mandou na trave. A Argentina, por sua vez, apesar de estar com um a menos, conseguia igualar as ações e até mesmo se aproximar do empate.

Aos poucos, a Austrália tentava aproveitar a vantagem numérica e manter a posse de bola, com troca de passes. Após algumas oportunidades, em uma delas com bela defesa de Ledesma, a equipe do técnico Graham Arnold ampliou o marcado. Tilio, que havia acabado de sair do banco, recebeu cruzamento de Duke e mandou para o fundo da rede.

Mais cedo, pelo grupo C, a Espanha, seleção que é apontada como uma das favoritas, apenas empatou sem gols com o Egito.

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito
Assine e navegue sem anúncios [+]

Últimas notícias

Continue lendo