São Paulo, 06 (AE) - Al Nassr e Raja Casablanca fazem um jogo decisivo na partida de fundo da rodada dupla desta sexta-feira à
noite no Morumbi pelo Mundial de Clubes. Depois de perder na estréia, os times da Arábia Saudita e do Marrocos prometem uma grande exibição e seus treinadores até convocam os torcedores que forem ao estádio para não deixar o Morumbi depois do jogo entre Corinthians e Real Madrid.
"Podem ficar, que assistirão a outra boa partida", disse o técnico iugoslavo Milan Zivadinovic; o mesmo pedido foi feito pelo treinador da seleção marroquina Fathi Jamal. "Fizemos excelente exibição diante do Corinthians; agora vamos lutar ainda mais para tentar a vitória e depois vencer também o Real Madrid para subir na classificação."
Zivadinovic disse que seu time estreou bem diante o Real Madrid, apesar da derrota por 3 a 1. O treinador ressaltou que sua equipe sentiu os efeitos do campo pesado, que obrigaram seus jogadores a atuar com chuteiras de travas altas. Geralmente, eles jogam na Arábia com travas baixas, de borracha.
"Há dias estamos treinando com chuteiras com travas altas, mas os jogadores não se adaptaram totalmente", disse o treinador do Al Nassr, que, na entrevista coletiva de hoje à tarde, defendeu o goleiro da equipe Babkr Khojalli, que falhou no lance do segundo gol do time espanhol. "Ele é um bom jogador, merece nosso apoio e vai provar contra o Raja Casablanca seu valor."
No Raja Casablanca, que treinou hoje à tarde na Academia do Palmeiras, os maiores elogios foram para o zagueiro Talal, de 24 anos, um dos destaques da equipe do Marrocos na derrota para o Corinthians por 2 a 0. O jogador disse ter ficado muito satisfeito com os elogios que recebeu da imprensa brasileira após a partida e agradeceu o empenho dos companheiros. Raja Casablanca: Chadili; Misbah, Talal, Jrindou e El Haimeur; Aboub, Nejjary, Safri e Moustaoudia; Khoubbache e Reda. Técnico - Fathi Jamal. Al Nassr: Khajali; Al Sokia, Hadi Sharify, Mansour Mousa e Harthi; Karni, Al Husseini, Bahja e Amin; Jaman e Saib Mousa (Triki). Técnico - Milan Zivadinovic. Juiz - Derek Rugg (Nova Zelândia). Local - Morumbi. Globosat/ SporTV (21h15)