460 policiais vão trabalhar nos jogos
Nos dias dos jogos do Pré-Olímpico, 460 policiais estarão trabalhando – além dos PMS de Londrina, estarão a serviço os cadetes da academia de Guatupê, de Curitiba, e efetivo da PM de Maringá, Cornélio Procópio, Apucarana e Rolândia. Eles serão responsáveis também pela vistoria do público nas entradas do estádio, que vão contar com detectores de metal.