CONTRATO DE TRÊS MESES -

IBGE oferece mais de 12 mil vagas temporárias no Paraná

Oportunidades são em três funções, com trabalhadores atuando na coleta de dados para o censo demográfico

Pedro Marconi - Grupo Folha
Pedro Marconi - Grupo Folha

Até o dia 24 de março, quem deseja tentar um trabalho provisório junto ao IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) pode fazer inscrição. O instituto está contratando, via processo seletivo, mais de 200 mil pessoas para vagas temporárias em todo o Brasil para a realização do censo demográfico 2020. As oportunidades são para agente censitário municipal, agente censitário supervisor e recenseador. 


As remunerações das duas primeiras funções são de R$ 2,1 mil e R$ 1,7 mil, respectivamente. Já os recenseadores vão receber por produtividade. “O recenseador vai visitar todos os municípios, por isso, há vagas nesta função em todas as cidades brasileiras e, consequentemente, paranaenses”, destaca Sinval Dias dos Santos, chefe do IBGE no Paraná. No site do IBGE é possível simular os ganhos como recenseador, que terá que trabalhar, pelo menos, 25 horas por semana. 




.
. | iStock
 



Todos os contratos têm duração de três meses. Os profissionais contratados temporariamente também terão direito a férias e 13º salário proporcionais. “Para os cargos de agente é necessário ter 18 anos completos e ensino médio. O censitário municipal vai coordenar a equipe de colaboradores temporários, distribuir tarefas. Já o censitário municipal vai conferir em campo todo o trabalho que está sendo feito para garantir qualidade ao dado”, explica. 


No Paraná são 12.025 vagas, sendo 10.358 para recenseador, em todos os municípios, e 1.667 para as funções de nível médio, em 309 cidades. Em Londrina são 216 oportunidades no total. A taxa de matrícula é de R$ 35,80 para agente censitário e R$ 23,61 para recenseador. 


As provas vão ser realizadas em todos os municípios onde houver vagas. As provas para agentes serão em 17 de maio e para recenseadores em 24 do mesmo mês. Os candidatos farão prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório. 


“A intenção é de que os agentes censitários comecem a trabalhar no dia 15 de junho e os recenseadores – que passarão por treinamento classificatório - em 1º de agosto. Os agentes vão atuar de segunda a sexta-feira, das 8h às 12 e das 13h às 17h. Os recenseadores farão sua própria carga horária, porém, tudo tem que terminar até outubro”, detalhou Santos. 


As informações coletadas pelo IBGE levantam números de migração, trabalho, renda, pessoas autistas, com necessidades especiais, entre outros temas. Os dados são utilizados para o planejamento de políticas públicas. 




SERVIÇO - Mais informações e inscrições aqui,  pelo site do concurso. 

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito

Tudo sobre:

Últimas notícias

Continue lendo