Relator do Orçamento diz que foi autorizado por Bolsonaro a criar novo programa social


DANIEL CARVALHO
DANIEL CARVALHO

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O relator do Orçamento de 2021, senador Márcio Bittar (MDB-AC) disse nesta quarta-feira (16) que foi autorizado pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) a criar um novo programa social em substituição ao Renda Brasil, abortado na terça (15) pelo chefe do Executivo.

"Fui solicitar ao presidente se ele me autorizava colocar dentro do Orçamento a criação de um programa social que possa atender milhões de brasileiros que foram identificados ao longo da pandemia e que estavam fora de qualquer programa assistencial. O presidente me autorizou", disse Bittar ao deixar um almoço com Bolsonaro. Ele já havia tomado café da manhã com o presidente.



Bittar, no entanto, não disse de onde sairiam os recursos para bancar o novo programa social.

"Não adianta agora a gente especular do que que vai tirar, de onde vai cortar. Mas eu estou autorizado pelo presidente, ele me deu sinal verde e, a partir de agora, vou conversar com os líderes do governo no Senado e na Câmara, com a equipe econômica", afirmou.



O senador disse que pretende entregar o relatório já na próxima semana.

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito

Tudo sobre:

Últimas notícias

Continue lendo