A partir de agora o sinal pode ficar vermelho, o circo pegar fogo, a água bater no nariz e a vaca ir pro brejo. O governo perde seu bombeiro de plantão e terá que arrumar outro, pois o pau pra toda obra já está em seu novo posto. Heinz Georg Herwig, o alemão, já assumiu o cargo de Conselheiro no Tribunal de Contas do Paraná e está fora do jogo governamental. Ao comemorar, este ano, 35 anos de profissão como engenheiro e passar por quatro governos, todos na Secretaria de Estado dos Transportes, Herwig tira o time de campo com a consciência tranquila e a certeza do dever cumprido. Sai vitorioso, principalmente nesta última eleição, quando literalmente pegou o boi à unha e foi à luta como coordenador da campanha de Cassio Taniguchi. Desafios como esse não são páreo para o alemão, que já amassou muito barro e comeu muita poeira nas estradas paranaenses. No Departamento de Estradas de Rodagem (DER), onde iniciou sua carreira profissional e foi engenheiro estagiário, peão de trecho, chefe de distrito rodoviário, diretor de obras e diretor geral, certamente deixará um legado marcado pelo trabalho e determinação. Heinz costuma dizer que é difícil matar um leão. E o pior ainda é que temos que matar um leão por dia para sobrevivermos nesta selva urbana. Mas vale a pena. Podem ter certeza que Heinz não sossegará. A posse festiva do engenheiro Heinz Georg Herwig no cargo de Conselheiro do Tribunal de Contas do Paraná acontecerá às 16 horas de segunda-feira, no próprio Tribunal de Contas.


Informações para esta coluna pelo e-mail
[email protected] ou pelo fax (041) 253-3692.