|
  • Bitcoin 149.500
  • Dólar 4,9391
  • Euro 5,1964
Londrina

Economia

m de leitura Atualizado em 30/11/2021, 08:10

Passagens de linhas intermunicipais têm preço reduzido

Redução ocorreu nas linhas de ônibus que cruzam as praças de pedágio desativadas neste fim de semana

PUBLICAÇÃO
segunda-feira, 29 de novembro de 2021

Davi Paludetto - estagiário*
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

As linhas de ônibus que cruzam pedágios desativados tiveram redução dos preços nesse final de semana – sábado (27) e domingo (28).

Imagem ilustrativa da imagem Passagens de linhas intermunicipais têm preço reduzido Imagem ilustrativa da imagem Passagens de linhas intermunicipais têm preço reduzido
|  Foto: Gustavo Carneiro
 

O DER/PR (Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná), apresentou às empresas as novas tabelas de preços levando em conta a redução com o custo dos pedágios. A menor redução ocorreu entre as cidades de Rolândia e Arapongas de (R$ 0,22) e a maior redução média entre Londrina e Cascavel (R$ 8,01). A passagem entre Londrina e a capital Curitiba também teve redução de R$ 5,72.

O novo valor começou a ser cobrado após à 0h do dia 27 nas linhas que cruzam os pedágios da Econorte, Viapar e EcoCataratas e à 0h do dia 28 para as linhas que cruzam os pedágios da Ecovia, Rodonorte e Caminhos do Paraná.

A redução das tarifas também ocorreu para as linhas interestaduais, que passam por essas praças de pedágio. Segundo a Viação Garcia, com o fim da cobrança das concessionárias o valor está sendo reajustado. A empresa disse que onde havia o repasse parcial, o valor está sendo totalmente cancelado, seguindo a recomendação do DER para redefinição do preço das passagens.

O economista Marcos Rambalducci afirmou que a diminuição das tarifas irá permitir a maior economia na renda. “Os valores que serão economizados com o reajuste poderão e poderão ser utilizados para a aquisição de novos bens e serviços”.

Rambalducci completa que a economia decorrente dos novos valoreso poderá inclusive criar uma sinergia entre o comércio local, que verá consumidores com potencial de compra maior.

A partir do último final de semana de novembro, as rodovias do Anel de Integração do Paraná não terão mais a cobrança das tarifas de pedágio. A medida ocorre devido a vencimento do contrato com as concessionarias que administram as estradas do estado desde 1997. 

Supervisão: Patrícia Maria Alves, editora