|
  • Bitcoin 151.337
  • Dólar 5,0617
  • Euro 5,2630
Londrina

AGILIDADE

m de leitura Atualizado em 08/05/2022, 19:10

Paraná é o terceiro mais ágil na abertura de empresas

Em abril, Estado ficou com o terceiro melhor tempo entre os estados: 18 horas e 38 minutos; média do País foi de 1 dia e 22 horas, 28 horas

PUBLICAÇÃO
segunda-feira, 09 de maio de 2022

Reportagem local
AUTOR autor do artigo

Foto: José Fernando Ogura/AEN
menu flutuante
Considerando o volume de solicitações, o Paraná teve o terceiro maior movimento do País, com 4.466 registros, ficando atrás somente de São Paulo, com 18.170 registros, e Minas Gerais, com 5.288 registros. Considerando o volume de solicitações, o Paraná teve o terceiro maior movimento do País, com 4.466 registros, ficando atrás somente de São Paulo, com 18.170 registros, e Minas Gerais, com 5.288 registros.
Considerando o volume de solicitações, o Paraná teve o terceiro maior movimento do País, com 4.466 registros, ficando atrás somente de São Paulo, com 18.170 registros, e Minas Gerais, com 5.288 registros. |  Foto: José Fernando Ogura/AEN
 

O Paraná segue sendo um dos principais destaques no País no quesito agilidade para se abrir uma empresa, o que mostra a evolução dos processos burocráticos implementados a partir do programa Descomplica. Em abril deste ano, ficou com o terceiro melhor tempo entre os estados: 18 horas e 38 minutos. A média do País foi de 1 dia e 22 horas, 28 horas a mais.

Em velocidade, o Paraná ficou atrás apenas do Sergipe, com 351 processos analisados, e do Espírito Santo, com 990 processos. Vale destacar que, considerando o volume de solicitações, o Paraná teve o terceiro maior movimento do País, com 4.466 registros, ficando atrás somente de São Paulo, com 18.170 registros, e Minas Gerais, com 5.288 registros.

O tempo total de abertura de empresas e demais pessoas jurídicas leva em consideração o tempo na etapa de viabilidade, na validação cadastral que os órgãos efetuam e na efetivação do registro, com a obtenção do CNPJ. Na viabilidade, o Paraná é o segundo mais rápido.

Considerando a evolução só neste ano de 2022, o Paraná vem com o pé no acelerador: em janeiro, eram 32h 47m 47s; 26h 02m 42s em fevereiro; 21h 50m 20s em março; e agora, em abril, são 18h 38m 17s para se abrir uma empresa. Os dados são da Redesim, do governo federal.

NOVAS EMPRESAS

O Paraná também ganhou 92.695 novas empresas neste primeiro quadrimestre. Os dados são da Junta Comercial do Paraná . O Estado tem atualmente 1,5 milhão de empresas ativas, entre matriz e filial.

São, mês a mês, 23.339 em janeiro, 23.730 em fevereiro, 24.397 em março e 21.229 em abril, com dois grandes feriados no mês. O saldo (diferença entre aberturas e baixas) ficou em 54.680. Essa dado aponta que a velocidade de abertura de novos negócios supera em muito os fechamentos.

Do total de empresas abertas nos primeiros quatro meses de 2022, a maioria corresponde a MEIs, com 75,92%. Outros 20,61% são LTDA e 2,98% têm como natureza jurídica empresário individual. Os outros segmentos são sendo Eireli (0,13%), Cooperativa (0,10%), S/A fechada (0,18%), S/A aberta (0,04%), Consórcio (0,03%) e outros tipos (0,01%).

EMPREGOS

Vale destacar que o  Paraná fechou o primeiro trimestre do ano com a abertura de 56.225 vagas de emprego com carteira assinada. Quinto melhor resultado do País, o saldo do Paraná é superior à soma dos empregos gerados por todos os estados do Norte e do Nordeste no período. Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho e Previdência, divulgado nesta quinta-feira (28).

Nos três primeiros meses de 2022, houve 473.178 contratações e 416.953 demissões no Estado. No mês de março, foram abertos 8.638 postos de emprego formais, que se somam às 28.273 vagas abertas em fevereiro e às 19.314 geradas em janeiro, com os ajustes do Caged.

No acumulado de 12 meses, entre abril de 2021 e março de 2022, 157.095 empregos formais foram criados no Paraná, quarto melhor resultado do Brasil e melhor do Sul.

Receba nossas notícias direto no seu celular, envie, também, suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link wa.me/message/6WMTNSJARGMLL1