Assine e navegue sem anúncios [+]

Multinacional do setor do agro investe R$ 40 mi em nova planta em Londrina


Mie Francine Chiba - Grupo Folha
Mie Francine Chiba - Grupo Folha

A argentina Rizobacter, multinacional do setor do agronegócio focada em microbiologia, anunciou investimento de R$ 40 milhões em Londrina com a construção de uma nova planta de produção na PR-445. O anúncio foi feito nesta sexta-feira (17) em visita do diretor da empresa, Nilton Elteto, à Prefeitura de Londrina.


 

O diretor da Rizobacter, Nilton Elteto, em visita à Prefeitura de Londrina
O diretor da Rizobacter, Nilton Elteto, em visita à Prefeitura de Londrina | Vivian Honorato/N.Com
 


A unidade deve ocupar uma área de 65 mil metros quadrados com galpão de produção, dois laboratórios, escritório administrativo e refeitório. As obras serão de responsabilidade da construtora A. Yoshii. A expectativa é que a nova planta fique pronta em um ano e meio e gere cerca de 140 novos empregos em três anos.


"Estamos no Brasil há 23 anos e agora decidimos fazer um investimento grande na planta de produção, uma nova planta de uma das nossas linhas, que é a linha de adjuvantes, para fomentar nosso crescimento", detalhou Elteto.


Além da linha de adjuvantes, a empresa que faz parte do grupo Bioceres Crop Solutions, provedor de soluções projetadas para a sustentabilidade na agricultura listada na Nasdaq, provê ao setor de agro produtos como fertilizantes especiais e fungicidas.


A Rizobacter possui filiais e subsidiárias no Uruguai, Paraguai, Bolívia, Colômbia, Estados Unidos, Canadá, México, África do Sul, Índia e Ucrânia. No Brasil, a matriz está localizada em Cambé, motivo pelo qual a empresa optou por instalar a nova fábrica em Londrina. Hoje, a companhia possui cerca de 90 colaboradores nas duas cidades.


 

Perspectiva do projeto da fábrica da Rizobacter
Perspectiva do projeto da fábrica da Rizobacter | Divulgação/Rizobacter
 


O presidente da Codel (Instituto de Desenvolvimento de Londrina), Bruno Ubiratan, afirma que a negociação está em curso há cerca de três anos e que a empresa se instala em uma área que deverá ser foco de desenvolvimento do município. "Tudo isso é muito importante para o crescimento e o desenvolvimento da cidade, principalmente nesse momento que vivemos de pandemia, entre outras dificuldades em nível de Brasil e de mundo." 


Para o prefeito Marcelo Belinati, a PR-445 vai se tornar um "corredor de desenvolvimento". "É a primeira de muitas empresas e indústrias que vão se instalar no corredor de desenvolvimento que é a PR-445 na saída de Londrina para Curitiba. Já temos algumas empresas ali, mas creio que nesse local a grande vocação vai ser a instalação de grandes empresas e indústrias, ainda mais com a duplicação  da rodovia."

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito
Assine e navegue sem anúncios [+]

Últimas notícias

Continue lendo