México retém 11 mil carros brasileiros Agência Estado De São Paulo Cerca de 11 mil veículos produzidos no Brasil estão retidos na alfândega portuária do México por conta de mudanças na cobrança da alíquota de importação naquele país. O governo brasileiro deve encaminhar, na segunda-feira, uma proposta de solução do problema. A maioria dos veículos é da Volkswagen que, desde janeiro, despachou três navios carregados de Gol, Saveiro e Golf. ‘‘Já perdemos um mês e, no mercado de exportações, é uma perda irrecuperável’’, disse a diretora de Assuntos Governamentais da Volks, Elizabeth de Carvalhaes. Segundo ela, a partir de janeiro o governo mexicano voltou a cobrar 20% de alíquota de importação do carro brasileiro, ante 8% cobrados desde 98. Com essa taxa, os carros deixarão de ser competitivos no México.