Como evitar fraudes ao comprar pela internet


Simoni Saris - Grupo Folha
Simoni Saris - Grupo Folha

- Desconfie de uma promoção muito boa, com produtos a preços muito abaixo do cobrado em lojas físicas ou outros sites;

- Se receber um link com uma promoção irresistível de uma loja conhecida, não clique. Entre no site da loja para conferir a promoção. Muitos links levam a cópias de sites oficiais;

- Instale um aplicativo de segurança no seu computador ou celular;

- À menor desconfiança, interrompa o processo de compra e não forneça os dados do seu cartão de crédito;

- Verifique se o site que está vendendo o produto possui algum endereço físico, CNPJ e um canal de atendimento em que seja possível conseguir essas informações e anote para o caso de ter de fazer uma reclamação;



- Verifique também se o site oferece recursos on-line como chat, fotos e detalhes do produto ou outras plataformas de vídeo;

- Consulte sites especializados em manter reputações de empresas e o Procon para buscar informações sobre o site em que pretende comprar;

- Na hora de pagar, verifique se os dados de pagamento são blindados observando se há o símbolo de um cadeado no canto da janela do navegador;

- Dê preferência às plataformas de pagamento garantido, como PayPal e PagSeguro;

- Evite ao máximo fazer compras em computadores de terceiros ou que tenham acesso ao público, como em bibliotecas. Seus dados bancários podem ser roubados;

- Vale lembrar que compras feitas on-line têm prazo de arrependimento de sete dias corridos.

 

Fontes: Wagner Lai, coordenador da Comissão de Direitos do Consumidor da OAB-Londrina, e Emilio Simioni, diretor do Dfndr Lab.

 

 


Continue lendo


Últimas notícias