As cores de cada um


As cores de cada um
istock
 

Em situações de crise a gente pode ver como muitas pessoas são na verdade. Em inglês existe uma expressão “to show your true colors”, que significa mostrar suas verdadeiras cores. Frequentemente, na vida diária, quando não há nada pressionando mais intensamente, o mau-caratismo de algumas pessoas passa despercebido, mas quando situações limites ocorrem não dá mais para esconder o lado farsante.



As cores de cada um
istock
 




Em Londrina, cidade em que vivo, ouvi a notícia de que um grupo de pessoas estava vendendo álcool gel falsificado. Não é só aqui que essas coisas tristes acontecem, claro, mas por meio deste fato vemos o quanto há perversidade e pessoas que se aproveitam de quem está desesperado. Quem falsificava álcool em gel vendia gato por lebre, ou seja, tirava proveito e vantagem de uma situação para obter lucros desleais. Isto é perversão.




O perverso só quer saber do próprio prazer e não se importa com nada ou com mais ninguém. Por isso, para o perverso é fácil enganar, mentir, corromper e passar por cima dos outros. Fazendo isso muitas vezes ganha fama e dinheiro e é visto como alguém de sucesso. Contudo, quando as coisas ao redor mudam, quando fica urgente algumas necessidades básicas entre a população, caem as máscaras dessas pessoas e aí podemos ver que não são pessoas de sucesso, mas apenas aproveitadores, que tentam sempre ganhar de forma pérfida.

   

Há um ditado que diz “No escuro todos os gatos são pardos”. Esse ditado fala que quando está escuro não conseguimos ver (discriminar) nitidamente, então acreditamos que tudo tem, mais ou menos, a mesma cor, como se não houvesse diferenciação. Agora, quando a luz se faz presente podemos diferenciar as cores (particularidades) de cada gato ou gatuno.


No dia a dia ficamos meio que adormecidos e não enxergamos bem. Confundimos ações perversas de muitas pessoas que até acabamos admirando como sendo inteligência e genialidade. Só que quando acendemos a luz vemos que não era bem assim.


Nessas situações críticas, como no momento que estamos vivenciando, uma luz se acende e, de repente, vemos que algumas pessoas e atitudes nada mais eram do que ações egoístas.


Por outro lado, também nesses momentos de calamidade vemos o quão grandiosas e generosas muitas pessoas conseguem ser. Ao mesmo tempo que ouço sobre pessoas desonestas, o que entristece e pesa o coração, ouço também notícias e relatos de seres humanos maravilhosos, o que eleva a alma e traz esperança. Gente trabalhando sério, cada um em sua área, se colocando até em risco, mas com o objetivo de ajudar o próximo, de deixar a vida menos difícil.


A alguns médicos, enfermeiros, jornalistas, cozinheiros, entregadores, funcionários de mercado, de postos de combustível, de farmácias e muitos outros que não consigo nem citar aqui, expresso minha gratidão e meu aplauso pela força com que nos ajudam. São verdadeiros heróis com uma grande capacidade de empatia. São verdadeiro humanos. Sim, ser herói é ser humano. Coisa tão rara.


Essas são as verdadeiras cores que devemos ver e admirar. Muito obrigado.



 

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito

Continue lendo


Últimas notícias