|
  • Bitcoin 143.820
  • Dólar 4,8801
  • Euro 5,1549
Londrina

Oswaldo Militão - Social

m de leitura Atualizado em 22/03/2022, 07:03

Com a família na Espanha

Maude Fernandes, que comemora aniversário nesta terça, passou momentos inesquecíveis com os familiares

PUBLICAÇÃO
terça-feira, 22 de março de 2022

Oswaldo Militão
AUTOR autor do artigo

Foto: Divulgação
menu flutuante

 Maude Fernandes comemora aniversário nesta terça (dia 22). Ela é muito estimada em Londrina. Recentemente visitou familiares que moram na Europa. A família dela completa reuniu-se depois de 15 anos, na Praia de Gandia, na Espanha. Um momento inesquecível para aniversariante. Na foto, durante a visita à famosa praia espanhola, Neide Fernandes, Alexandre Fernandes Junior, Maude, Marcelo Fernandes e Sarah Fernandes, e sentados estão Nicholas Jaria Fernandes, Pietro Fernandes, Natasha Fernandes e Antonella Fernandes  

SOLANGE, ROBERTO E  O OUTONO 

Solange Pieroli e Roberto Palhiarini, de Sinézio Magazine, pioneira londrinense, já com as coleções para o outono inverno, com marcas famosas como a Aramys e a Pierre Cardin. Ninguém vai passar frio ou calor e estarão up date com a moda, lembraram. 

 ANIVERSARIANDO 

O novo procurador do estado, Miguel Sogayar, aniversariou na semana que passou. No dia 18 último, Luly Turquino festejou seu aniversário. Bruno Bonalumi e Paulo camargo Veiga também aniversariaram. Ontem, foi a vez de Alexandre Turquino receber os cumprimentos. Hoje aniversaria Ricardo Gomes de Aráujo. 

Vila do Idoso para 40 famílias 

A Prefeitura de Londrina conseguiu a cessão de 17 casas do Comando da Aeronáutica perto do Aeroporto e da Praça Nishinomiya. O secretário de Governo, Alex Canziani, é quem articulou a transferência dos imóveis, que passarão para a Secretaria do Idoso, cuja secretária é Andrea Ramondini Danelon. A secretaria vai fazer ali a “Vila do Idoso”, com 40 residências (20 na frente e 20 atrás). O local poderá abrigar uma média 40 famílias de idosos em situação de vulnerabilidade social, já que cada um pode morar, por exemplo, com a esposa, um filho deficiente, ou dois irmãos. O local terá área de convivência comum. As casas do Aeroporto eram utilizadas no passado pelos militares em exercício de cargo ou função na administração central do Ministério da Defesa, mas estavam sem uso.  Retornaram para o Poder Público Municipal no ano passado. A prefeitura havia doado a área para a União nos anos 50. Na foto, o grupo que está apoiando o projeto da Vila do Idoso. 

Imagem ilustrativa da imagem Com a família na Espanha Imagem ilustrativa da imagem Com a família na Espanha
|  Foto: Divulgação
 

A PANDEMIA CAUSOU MAIS MORTES DO QUE SE IMAGINA 

Durante dois anos e meio, a pandemia (Coronavirus) causou oficialmente quase 700 mil mortes de brasileiros, até agora. Mas, em verdade, esse vírus causou a perda de mais de 300 mil pessoas, que deixaram de ser atendidas, por falta de hospitais, de vagas em UTIs, de médicos, de enfermagem, de ambulâncias, de atendimentos de urgências, enfim. Muita gente com problemas cardiovasculares, com câncer, diabetes, etc., deixaram de ser atendidos ou tiveram que aguardar vagas. Para o professor Francisco Gregori, há necessidade de que crianças e adolescentes que pegaram o vírus ou mesmo que foram só vacinados, que sejam acompanhados pelos seus médicos, para evitar problemas como sequelas mais tarde com o coração, pulmão e cérebro.  Acredito que o conselho do famoso cirurgião cardio serve também para os adultos, mais velhos, pois vacinas causaram sim algumas sequelas.  

População precisa se sentir pertencente à sua rua, ao seu bairro e à sua cidade! 

Sugerir caminhos para o desenvolvimento sustentável de Londrina com pesquisa de temas relevantes, diagnóstico de entraves e propostas de soluções, projetando a cidade no seu centenário em 2034. É a contribuição de lideranças e instituições agrupadas no Fórum Desenvolve Londrina, atualmente com o professor doutor Leandro Henrique Magalhães, da UniFil, na presidência. Na quinta-feira (dia 24), será apresentado o Caderno de Estudos 2021 sobre "Pertencimento como Indutor de Ações de Engajamento". Para o historiador que representa a UniFil "só há engajamento em relação à rua, ao bairro e à cidade quando as pessoas se sentem pertencentes. Para cuidar melhor do meio ambiente, dos bens culturais, da empregabilidade, dentre outras questões, a população precisa se sentir pertencente".   A apresentação pelos integrantes Heverson Feliciano e Claudia Romariz começa às 8h30 e é aberta pelo link bit.ly/forumestudo21  

Imagem ilustrativa da imagem Com a família na Espanha Imagem ilustrativa da imagem Com a família na Espanha
|  Foto: Divulgação
 

R.R. SOARES PAGAVA 150 MILHÕES PARA A REDE BAND 

É o que se comenta nos bastidores da Rede Bandeirantes de Televisão, em São Paulo: que o pastor R.R. Soares pagava 150 milhões de reais pelo contrato que tinha com a emissora dos irmãos Saad. O programa era transmitido para todo o Brasil, de sua sede na capital paulista. R.R, Soares é cunhado do bispo Edir Macedo, o fundador da Igreja Universal. Certa vez, R.R. Soares, que tem igreja em Londrina, veio à cidade, e em visita à TV Tropical disse que “os padres estão diminuindo e não farão falta alguma...”  Salvo engano meu, a igreja do pastor Soares está instalada na ex-sede social do Grêmio Recreativo Londrinense que ele comprou há anos. Não sabemos quanto pagou por ela. Só sei que muitos sócios lamentaram essa venda.  

NOVO CASAL 

A atriz Maitê Proença e a cantora Calcanhoto dizendo que estão felizes com a vida atual. 

 O PRESENTE 

O presidente Jair Messias Bolsonaro comemorou aniversário ontem. Perguntado que presente gostaria de receber, afirmou: “A chance de ficar cuidando e melhorando o Brasil por mais um mandato”. 

*** 

Uma pena: faleceu aquele cidadão que recebeu um coração de porco e viveu vários dias. Houve alguma rejeição. De qualquer maneira, iniciou-se uma nova era dos transplantes. O caso aconteceu em Maryland, nos Estados Unidos.  

***

Receba nossas notícias direto no seu celular! Envie também suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link wa.me/message/6WMTNSJARGMLL1

A opinião do colunista não é, necessariamente, a opinião da Folha de Londrina