|
  • Bitcoin 102.552
  • Dólar 5,3317
  • Euro 5,5605
Londrina

Luiz Geraldo Mazza

m de leitura Atualizado em 26/05/2022, 01:02

Um símbolo forte

PUBLICAÇÃO
quinta-feira, 26 de maio de 2022

Luiz Geraldo Mazza
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

Londrina vai ter um símbolo forte de suas pretensões industriais: a torre de testes de 150 metros da Atlas Schindler, equivalente a um prédio de 50 andares. Um investimento de R$ 100 milhões que abrangerá na indústria de elevadores centro de pesquisa e desenvolvimento de produtos. Antes de tudo será o edifício mais alto da cidade, evocando a vocação para grandes iniciativas. 

Apoio inevitável 

Ratinho Jr. é um dos principais palanques de Bolsonaro. Já o foi na eleição passada e será uma dobradinha vitoriosa novamente, posto que Lula tenha melhorado seu posicionamento nas pesquisas, o que poderia levar o pragmatismo do PSD a outra orientação. Numa eleição mais equilibrada cresce a importância da parceria e da opção do governador paranaense. 

Front 

CMEI de Curitiba é fechado após 5 casos de Covid entre crianças. Na segunda-feira não houve mortes no Paraná, mas na terça tivemos 37 óbitos, Curitiba teve 3 mortes, 1.685 infecções e 11.629 casos ativos. Nacionalmente tivemos 228 óbitos e 32.990 infecções entre segunda e terça. O relaxo com medidas preventivas levou a baixo consumo de álcool gel. O fato é que em um mês a Covid cresceu sete vezes na capital. Em dez meses a Fiocruz distribuiu 160 milhões de vacinas. E a dengue cresceu 3,5 vezes no Paraná, mais preocupação. 

A rotina 

Se houver nova greve, mais da APP do que de outros sindicatos, o governo terá que usar toda diplomacia na batalha rotineira. É que a data-base, 1º de julho é o limite e a assembleia de amanhã será decisiva na luta pela recomposição de 35%. O governo atravessa uma fase de durezas, inclusive com a perda de arrecadação do ICMS sobre combustíveis, e a possibilidade de confronto é remota, mas com força em função da campanha eleitoral.  

Alerta 

Petroleiros estão alertando para uma possível falta de óleo diesel no segundo semestre, o que soa, diante dos fatos, como um sinal de terrorismo, como se não bastasse a questão dos fretes que coloca os caminhoneiros em ponto de bala. 

Desmate 

O Paraná não é medalha de ouro no ranking do desmate da Mata  Atlântica, mas aparece em terceiro lugar, com direito à medalha de bronze. Absurdo se dá no Parque Nacional do Iguaçu com a presença de caçadores na região apanhados em flagrante pela polícia. O esforço de preservação com o nascimento de filhotes de onças anima a canalha caçadora, que precisa ser punida exemplarmente.  

Mudanças

São Paulo é um dos maiores laboratórios de transformações urbanas. Embora o caos dos cracódromos e a extrema mobilidade desses espaços é relevante verificar o retorno do comércio no térreo de prédios, como se viu em 2021 em 137 lançamentos incluindo fachada ativa sob estímulo do Plano Diretor.   

Traço forte 

Ação policial na Vila Cruzeiro no Rio quase bateu os recordes anteriores de letalidade com 25 mortes. A PM alega que foi atacada durante operação para capturar comboio que se deslocava para a Rocinha. Há uma acusação da PM culpando o STF pelos criminosos migrarem ao Rio de Janeiro. A cada hora um novo adversário da Corte Superior, não bastasse o mais brabo deles.      

Folclore 

Pedrinho, aquele da Banda Jovem Dionísio, o personagem, não a ficção, não pode mais dormir, tantas as entrevistas que se viu obrigado a dar e isso no revezamento dos três bares do Juvevê.