|
  • Bitcoin 110.665
  • Dólar 5,2387
  • Euro 5,5457
Londrina

Luiz Geraldo Mazza

m de leitura Atualizado em 13/06/2022, 18:26

Mais desigual

Estudo recente nos coloca como unidade mais desigual e com a menor renda média do Sul, o que obrigaria o governador a fazer contestação

PUBLICAÇÃO
terça-feira, 14 de junho de 2022

Luiz Geraldo Mazza
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

Quando Paulo Pimentel era governador seu estafe lançou uma ideia-força: a de que nossa utopia mais imediata seria constituir-se no segundo estado da União. Aliás, mal desfrutávamos esse posicionamento no Brasil meridional, já que os gaúchos eram o quarto em renda interna e nós o quinto. Estudo recente nos coloca como unidade mais desigual e com a menor renda média do Sul, o que obrigaria o governador Ratinho Junior a fazer a devida e competente contestação. Os elementos da Pesquisa Domiciliar Contínua são suficientes para a abordagem. Nesse ranking passamos algumas vezes o Rio Grande do Sul, com o qual revezamos posição.

Vagas 

Abrimos a semana sempre com uma boa nova: 11.569 vaga de emprego nas agências do trabalhador. Nesses dias temos as pouco mais de 4 mil vagas do Censo, cuja matrícula se encerra amanhã com mais de 42 mil vagas. Há um outro concurso: o de 100 mil vagas para quadros do Sistema Único de Saúde. Há ainda o concurso do PSS para contratação de 20 mil professores.  

Ferroeste 

O Ministério Público vai à Justiça pela realização de audiência pública quanto à Ferroeste em nosso litoral. Obviamente, a demanda maior é a relativa à floresta atlântica. 

Greve 

E não é que saiu a primeira greve do professorado municipal, de Prudentópolis, pleiteando os tais 33% que o governo deixou de pagar em função do congelamento adotado pelo governo Beto Richa, o que mais hibernou salários em nossa história? Dada a situação essa demanda, mesmo que bem justificada, não têm a menor viabilidade ante o rombo de mais de R$ 3,6 bi aprovado no Senado. Simplesmente não há recursos e toda greve é abusiva.

Música 

Serão abertas inscrições no dia 20 para cursos do Festival Internacional de Música em sua 42ª edição abrangendo diversas atividades artísticas e didático-pedagógica na cidade entre 9 e 18 de julho. O evento será aberto com um "Concerto Festivo" no Aterro do Lago Igapó. O concerto de abertura será no domingo, dia 10, no Cine Teatro Ouro Verde com a Orquestra Sinfônica da Universidade Estadual de Londrina. 

LEIA TAMBÉM

Peso externo
Pedágio antecipado

Baderna 

Não se esperava a baderna das organizadas no jogo Coritiba x Palmeiras, o que deu margem a que a polícia defendesse as partidas com uma só torcida. A Inglaterra, que tinha as mais ferozes atuações dessas torcidas, conseguiu com o tempo reprimir os abusos e restabelecer a civilidade. Torcidas ameaçando jogadores e familiares não é aceitável, apesar da demagogia de dirigentes de clubes que as sustentam para se manterem no poder. O Ministério Público argumenta que as organizadas desfrutam do direito de livre associação. Mas não pode dar-lhe o sentido de Ku Klux Klan.  

Enquadramento 

Demorou, mas pelo jeito enquadram Trump em sua tentativa de golpe na invasão do Capitólio. O comitê está apurando tudo e nem republicanos querem ostentar essa posição raivosa e doentia. 

Varíola 

Modalidade diferenciada de varíola, a dos macacos, espanta o mundo e no Brasil já existem três casos clássicos, sob monitoramento. 

Educação 

Está comprovado que investir na educação integral pode ter efeitos de longo alcance como o de reduzir taxas de homicídio em até 50%. 

Escala 

Embora com taxas de mortalidade baixas, é preocupante o número de contaminações nessa retomada da pandemia. No Paraná tivemos um óbito e 1.793 casos de infecções em 24 horas. 

Folclore 

Alvaro Dias montou o cenário para Sergio Moro com o Podemos. Aí Sergio o driblou, saiu do partido, entrou no União Brasil e quer enfrentar aquele que tanto o ajudou. Política é feito disso também. Agora teremos três direitistas peleando. 

Receba nossas notícias direto no seu celular! Envie também suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link wa.me/message/6WMTNSJARGMLL1