|
  • Bitcoin 121.475
  • Dólar 5,0599
  • Euro 5,2211
Londrina

Luiz Geraldo Mazza

m de leitura Atualizado em 09/03/2022, 03:15

Discriminação vocacional?

PUBLICAÇÃO
quarta-feira, 09 de março de 2022

Luiz Geraldo Mazza
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

Convencidos estamos que o racismo no Brasil é estrutural, orgânico, e que a discriminação contra a mulher se dá quase no mesmo nível. A posição do país no ranking da igualdade de gênero é de 78º e levantamentos da FGV, Fundação Getúlio Vargas, indicam que a mulher, mesmo em postos top, ganham menos 19,9% do que os homens, dados de 2021. E nesse mesmo ano tivemos o mais importante movimento de oposição no Brasil, a CPI senatorial da Covid, com o vexame de seus organizadores terem esquecido representantes femininas, as quais rebeladas impuseram a sua participação, por sinal brilhantíssima. A data de ontem se prestou a reflexões em torno dessa igualdade tão desprezada. Num evento oficial do presidente Bolsonaro observa-se que os debatedores serão homens, a consagração do Clube do Bolinha. 

Aguardo 

O Paraná aguarda a percepção dos efeitos do carnaval para bem avaliar qualquer afrouxamento de normas sanitárias, inclusive a da dispensa das máscaras. Sinais continuam de recuo: a taxa de ocupação de UTIs com Covid em Curitiba é de 43%. Entre domingo e segunda no país 211 óbitos e 20.644 infecções em 24 horas, Curitiba com 4 mortes e 554 casos, casos ativos menos de 5 mil. 

Retórica 

Tinha-se como certo que entre as sanções contra a Rússia havia o corte da aquisição de gás e petróleo, o que não aconteceu e Biden anunciou ontem a medida que o Reino Unido promete fazê-lo até o fim do ano. Vejam aí a distância entre fatos e retórica. Empresas privadas são mais sérias: a Shell deixou a Rússia, e também o McDonald’s. 

Violência 

Curitiba é um campo de guerra das agressões a mulheres e tanto que 9 mil delas se encontram sob o amparo de medidas protetivas. Ontem em operação nacional foram presos vários desses agressores. O Fórum Brasileiro de Segurança Pública mostrou que no Brasil houve média de um estupro a cada 10 minutos no ano passado e que há alta de 3,7% sobre 2020.   

Telegram

Persistem os atritos entre o Telegram e TSE e o ministro Edson Fachin, seu presidente, não descarta a medida extrema de banimento. Não é questão nada pacífica.  

Afrouxamento  

Caiu nesta segunda no Rio de Janeiro o uso das máscaras em ambientes abertos e fechados, feito que a torna como capital  pioneira. Em cinco estados e no DF a proteção deixa de ser obrigatória. Belo Horizonte deixou de exigir proteção nas ruas e ambientes ao ar livre. Em São Paulo espera-se a liberação no meio da semana. Especialistas enxergam aí um pouco de açodamento e aconselham abertura gradual. 

Vagas  

Além das 9 mil vagas desde ontem nas agências do trabalhador, um supermercado está oferecendo mais 100 áreas de trabalho como repositor de estoque e operador de caixa. Mais uma fila da esperança.   

Imóveis 

Uma das modalidades que mais cresceram foi a de consórcios de imóveis, com um ganho excepcional de 34,9% em 2021.  

Imagem

Não se sabe se a ideia decorreu do Dia Internacional da Mulher, mas o fato é que bolsonaristas de raiz entendem que Michelle, a primeira-dama, tem imagem suficientemente positiva para ser explorada em favor do marido e possivelmente reduzir-lhe a rejeição. 

Petrobras 

A fala de Bolsonaro sobre controle de preços da Petrobras provocou queda de 7% na ação e a estatal perdeu R$35 bi em valor de mercado, mas a questão se torna pertinente com os efeitos da guerra que ameaçam levar o barril do produto a US$ 120. 

Folclore 

A expectativa de que houvesse dinheiro grosso esquecido nos bancos se revelou, pelo ,menos até agora, um falsete, pois em lugar de reais havia alguns centavos. Até os golpistas se frustraram. 

A opinião do colunista não reflete, necessariamente, a da FOLHA

Receba nossas notícias direto no seu celular! Envie também suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link wa.me/message/6WMTNSJARGMLL1.