|
  • Bitcoin
  • Dólar
  • Euro
Londrina

TRÁFEGO INTENSO 5m de leitura Atualizado em 24/09/2020, 15:53

Trecho crítico da PR-092 será anexado ao Anel de Integração

Associação dos Muncípios do Norte Pioneiro afirma que melhorias na rodovia são urgentes para evitar acidentes e para o desenvolvimento da região

PUBLICAÇÃO
quarta-feira, 23 de setembro de 2020

Vitor Ogawa - Grupo Folha
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

A rodovia PR-092, que liga Curitiba até a divisa com o Estado de São Paulo (no município de Palmital), passando pelo Norte Pioneiro,  possui fluxo de veículos altíssimo. Só para se ter uma ideia, o DER (Departamento de Estradas de Rodagem) realizou uma contagem em Wenceslau Braz,  ainda em 2015, apontando que se o Contorno Sul do município fosse construído (ligando a 092 à PR-422), o fluxo médio diário seria de 1.914 veículos.  A Amunorpi (Associação dos Municípios do Norte Pioneiro) vem defendendo há tempos que a via seja duplicada para aumentar a segurança de quem circula por ela e também dos moradores que vivem em seu entorno. O único trecho em duplicação até agora é o que liga Curitiba (Ponte do Rio Barigui) a Almirante Tamandaré, com 4,74 km, que será concluído em 2021. A PR-092 possui 382,7 km de extensão.

Imagem ilustrativa da imagem Trecho crítico da PR-092 será anexado ao Anel de Integração
|  Foto: Jorge Woll - DER
 

O prefeito de Ribeirão Claro, Mário Augusto Pereira, que é do Conselho Fiscal da Amunorpi, afirma que a PR-092 não é importante só para a região, mas para todo o Estado. “O volume de carros e caminhões é assombroso. O trânsito que vem do sul do Estado de São Paulo passa todo por aqui. Nossa região produz desde insumos agrícolas a produtos acabados. São indústrias grandes que exportam e precisam de infraestrutura para escoar a produção", detalhou, explicando que na região não existe um aeroporto. "Tem um pequeno em Siqueira Campos, mas que não atende o total da região, então ficamos isolados.” Ele reforça que a duplicação da via poderia ajudar no desenvolvimento da região, que já ficou conhecida como o Ramal da Fome.

MORTES 

Alertando para o risco de mortes no trânsito, Pereira afirma que o trecho mais perigoso é entre Jaguariaíva e Wenceslau Braz. “É um trecho da estrada com poucos acostamentos e muitas curvas”, explica.  “Ela precisa de vários viadutos em acessos. Temos cruzamentos em nível perigosíssimos.”

Juan Pablo Zub, presidente do Hospital São Sebastião, em Wenceslau Braz, ressalta que as condições da PR-092 afetam não apenas de ambulâncias, mas todos que trafegam pela rodovia. “A pista simples está em péssimas condições. Faltam sinalizações, trevos de acessos, como por exemplo aqui em Wenceslau Braz. Há trechos em que o acostamento também não ajuda”, destaca. “Isso influi na transferência de pacientes, na busca de hemoderivados e antídotos, que ficam centralizados em Jacarezinho, aumentando sempre o tempo de resposta desse tipo de atendimento", afirma.

Segundo Zub,  mais de 50% dos atendimentos realizados no hospital estão relacionados a acidentes na PR-092. "Em uma classificação dos acidentes graves, 90% têm origem na rodovia”, aponta. “As condições atuais da rodovia  não favorecem uma viagem ágil e nem segura.”

NÚMEROS 

O BPRv (Batalhão de Polícia Rodoviária) registrou 198 acidentes, que resultaram em 170 pessoas feridas e 23 óbitos, na PR-092, em 2019. Neste ano, de janeiro a setembro, foram registrados 108 acidentes, com 90 feridos e 14 óbitos. Dos total de ocorrências, 30,81% aconteceram em Siqueira Campos; 26,74% em  Arapoti; 20,34% em Wenceslau Braz; 9,88% em  Santo Antônio da Platina;  6,97% em Joaquim Távora;  4,02% em Quatiguá; e 1,16% em Barra do Jacaré.

PROGRAMA DE REVITALIZAÇÃO

O governo do Estado anunciou no dia 16 de setembro um programa de obras de infraestrutura que soma R$ 4 bilhões para melhorias e modernização de rodovias, estradas rurais em todas as regiões do Paraná. A PR-092, a PR-323 e a PRC-280 serão contempladas no Programa de Revitalização da Segurança Viária do DER.

A previsão é licitar a execução das obras ainda este ano, um edital por rodovia. A PR-092 também receberá melhorias no trecho entre os km 279 e o km 283, ou seja, do perímetro urbano de Siqueira Campos no sentido Wenceslau Braz a Joaquim Távora. Será realizada duplicação, e implantação de marginais e dispositivos de interseção. No ano passado o trecho registrou 33 acidentes (5 mortes, 21 feridos e 16 sem vítima).

O prefeito de Wenceslau Braz, Paulo Leonar, afirma que um dos principais custos na cadeia produtiva está relacionado ao transporte. “Se tiver tempo de deslocamento menor associado a um risco menor melhora a sua competitividade”, pontua. “ É uma das principais rodovias do Paraná e a gente se sente feliz com o anúncio das obras da PR-092.” Ele reforça que a PR-092 precisa de manutenção em vários trechos. “A gente agradece o empenho do governador, porque agora também está saindo o Contorno Sul.”

O Contorno Sul ligará a  PR-092 à PR-422, com aproximadamente 3 km, por meio de uma nova pista simples com acostamentos, tendo nas extremidades duas interseções em nível, ambas dotadas de todos os dispositivos de segurança rodoviária. Ela vai retirar o tráfego pesado de caminhões da área urbana.

ANEL DE INTEGRAÇÃO

Em fevereiro deste ano, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, afirmou que o leilão do novo Anel de Integração rodoviário do Paraná, com 4,1 mil quilômetros, deve gerar investimentos de mais de R$ 100 bilhões no longo prazo.  Segundo o DER (Departamento de Estradas de Rodagem), o novo programa de Concessões Rodoviárias está em desenvolvimento e vai ser apresentado à população em audiências públicas, listando as propostas para as rodovias que devem compor o Anel de Integração.

Os contratos com as atuais concessionárias foram assinados em 1997 e se encerram em 2021. O polígono geométrico interliga Curitiba, Ponta Grossa, Guarapuava, Cascavel, Foz do Iguaçu, Campo Mourão, Maringá, Paranavaí, Londrina e Paranaguá. O novo programa de concessões rodoviárias passará a funcionar seguindo a lógica dos pedágios federais que já funcionam no Estado, unindo corredores em formato de mosaico. Entre as ligações, os destaques são para o reforço na ligação com São Paulo pelo Norte Pioneiro (PR-092) e a resolução dos gargalos da PR-323 e PR-280.

instagram

ÚLTIMOS POSTS NO INSTAGRAM