Rubens Burigo Neto
De Curitiba
Fiscais da Coordenadoria de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-PR) de Curitiba apreenderam ontem 33 fitas e seis CDs Rom dos jogos eletrônicos Doom, Duke Nuken e Mortal Kombat. A apreensão aconteceu na locadora Cartoon Video, no bairro do Cabral. No dia 17 de dezembro o Ministério da Justiça publicou a portaria nº 724, proibindo a comercialização destes jogos e também as versões dos games Blood, Postal e Requiem. A proibição foi determinada no começo de dezembro pela Juíza substituta Cláudia Maria Resende Neves Guimarães, da Justiça Federal de Minas Gerais, que acatou pedido do Ministério Público Federal.
‘‘Estamos tendo dificuldades em apreender os jogos porque são versões antigas e a maioria das lojas e locadoras visitadas já devolveram aos fabricantes as unidades que tinham em estoque’’, revelou a fiscal Rosângela Guedes. Na segunda-feira a fiscalização visitou 8 estabelecimentos (lojas de informática, livrarias e locadoras) e não encontrou nenhum dos jogos proibidos. A fiscal informou que a maioria dos donos ficou sabendo da proibição através da imprensa.
Ontem, antes de apreender as fitas na Cartoon Vídeo, os fiscais visitaram uma distribuidora de produtos de informática mas nada foi encontrado. Em casos de reincidência a multa diária é de R$ 20 mil. No interior também deverão ser realizadas ações semelhantes, sob a coordenação dos Procons municipais. Em Curitiba as blitze também vão continuar.