|
  • Bitcoin
  • Dólar
  • Euro
Londrina

Cidades 5m de leitura Atualizado em 30/12/2021, 17:23 assinante

Posto de coleta de Leite Humano de Arapongas recebe certificado

Equipe de profissionais trabalha na captação de doadoras e se desloca até a residência para poder receber o leite doado

PUBLICAÇÃO
quinta-feira, 30 de dezembro de 2021

Reportagem local
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

O Posto de Coleta de Leite Humano em Arapongas (Região Metropolitana de Londrina) recebeu certificado de reconhecimento da Rede Brasileira de Bancos de Leite Humano, pela dedicação na promoção, apoio e proteção ao aleitamento materno, serviços realizados a favor da saúde da mulher e da criança.

Imagem ilustrativa da imagem Posto de coleta de Leite Humano de Arapongas recebe certificado
|  Foto: Divulgação - Prefeitura de Arapongas
 

O posto de coleta funciona na sede do Cisam (Centro Integrado de Saúde da Mulher) e uma equipe de profissionais trabalha na captação de doadoras e se desloca até a residência para poder receber o leite doado. O trabalho foi realizado mesmo com a pandemia de coronavírus, possibilitando que a  população recém-nascida que necessitasse da doação do leite humano pudesse ser atendida.

NO BRASIL

O primeiro Banco de Leite Humano foi implantado no então Instituto Nacional de Puericultura – atual Instituto Fernandes Figueira da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) – em 1943. Segundo a rBLH-BR, o Brasil possui a maior e mais complexa rBLH do mundo, com aproximadamente 160 mil litros de leite humano distribuídos todos os anos a recém-nascidos de baixo peso internados em unidades neonatais no país.

NO PARANÁ

No Paraná os Bancos de leite humano estão implantados em 13 municípios: Apucarana, Campo Mourão, Cascavel, Curitiba (2), Foz do Iguaçu, Guarapuava, Londrina, Maringá, Pato Branco, Ponta Grossa, São José dos Pinhais, Toledo, Umuarama.

Outros 13 municípios possuem postos de coleta de leite humano descentralizados, sendo que cinco estão localizados em cidades que não possuem o banco de leite humano: Arapongas, Palotina, Cornélio Procópio, Cambé e Rolândia. Estes municípios trabalham em parceria com os bancos de leite mais próximos onde o leite humano que é coletado é transportado para o banco de leite para que seja processado, armazenado de forma adequada e utilizado quando necessário. (Com informações da Prefeitura de Arapongas)

Receba nossas notícias direto no seu celular! Envie também suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link wa.me/message/6WMTNSJARGMLL1

instagram

ÚLTIMOS POSTS NO INSTAGRAM