Operário morre três dias depois de baleado
O auxiliar de serviços gerais Natanoel José dos Santos, que morava em Florestópolis (73 km ao norte de Londrina), morreu ontem após ficar três dias na UTI do Hospital Universitário de Londrina. Santos, que tinha 26 anos, levou três tiros em uma briga na avenida principal de Florestópolis na noite de sexta-feira. A Polícia Civil ainda não sabe do paradeiro do lavrador Leonildo dos Santos, 26 anos, autor dos disparos, que fugiu da cidade logo após o crime. Ambos já tinham passagem na polícia por desentendimentos. A polícia acredita que no momento do crime os dois estavam embriagados.