Paulo Ubiratan
De Londrina
O operário Washington Barcelão Gimenez, 20 anos, denunciou que sua casa foi invadida por seis policiais militares que teriam furtado R$ 360,00 do interior de um guarda-roupa. A casa fica na Avenida Helena Aparecida Ridão, zona oeste de Londrina. A truculência policial teria ocorrido no último dia 27, por volta das 16 horas, quando Gimenez estava trabalhando em uma indústria de plástico no Parque Industrial Cacique (zona oeste).
Os policiais, segundo a denúncia, chegaram em três viaturas. A invasão da casa foi assistida por diversos vizinhos. ‘‘Os policiais não tinham nenhum mandado judicial. Eles destruíram as portas da casa, vasculharam meus bens e levaram os R$ 360,00 que estavam em uma carteira no armário’’, afirmou o operário.
Gimenez contou que os policiais teriam dito aos vizinhos que ele era suspeito de ter praticado um assalto em uma padaria. ‘‘Fui até lá falar com o dono e ele me disse que o ladrão devia ter mais de 45 anos e não se parecia nada comigo. Ele se prontificou a testemunhar a meu favor.’’
Amigos do operário disseram que ele nunca esteve envolvido com a polícia. O fato foi denunciado ao comando do 5º Batalhão da Polícia Militar (BMP). O subcomandante major Manoel da Cruz Neto mandou abrir sindicância para apurar o caso.