COVID-19 -

Londrina registra mais três mortes e 63 novos casos confirmados


Vitor Ogawa - Grupo Folha
Vitor Ogawa - Grupo Folha

A Secretaria Municipal de Saúde de Londrina divulgou mais três mortes e 63 novos casos confirmados de Covid-19 no município. As três mortes foram de pessoas do sexo masculino, duas com 77 anos, que morreram em hospital público, e uma com 80 anos, que veio a óbito em hospital filantrópico. Agora Londrina possui um total acumulado de 3.199 casos confirmados e 118 mortes pela Covid-19. Há 85 pacientes que se curaram e o total acumulado é de 2.879 pacientes recuperados até o momento.  


A cidade ainda possui 198 casos ativos entre os quais 158 estão em isolamento domiciliar e 40 estão internados. Dos que permanecem hospitalizados há 18 na UTI e 22 na enfermaria. Na divisão por gênero, 1.770 casos são do sexo feminino (55%) e 1.429 são do sexo masculino (45%) dos casos.




Quando segregados por faixa etária, 1.376 possuem entre 20 e 39 anos; 1.111 possuem entre 40 e 59 anos; 497 possuem mais de 60 anos; e 215 possuem menos de 19 anos, dos quais 154 possuem idade entre 10 e 19 anos e 61 possuem menos de nove anos. 


O município assegura que realizou 20.323 testes RT-PCR (padrão-ouro) para identificar a doença. Desse total 3.199 foram confirmados; 281 aguardam exames; 16.843 foram descartados. 


Quando se analisa a incidência por milhão de habitantes, Londrina possui uma taxa de 5.614,91, enquanto a média brasileira é de 12.494,16. Dos 121 leitos de enfermaria Covid SUS, 66 estão ocupados (55%) na cidade. Dos 116 leitos UTI adulto Covid, 60 possuem pacientes (52%) e dos 14 leitos UTI Pediátrico Covid, dois estão com pacientes (14%).


Quando se leva em conta os leitos gerais SUS+Privado, há 1.164 leitos de enfermaria, dos quais 604 estão ocupados (52%). Dos 292 leitos gerais UTI adulto disponíveis no município,  181 estão ocupados (62%). E entre os 71 leitos UTI pediátricos, 38 possuem crianças internadas (54%). 







Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito

Últimas notícias

Continue lendo