Um homem foi morto a facadas ontem, por volta das 11h30, no Parque Ouro Branco (zona sul de Londrina). O principal suspeito do assassinato de Natanael Martins Valério, de 46 anos, é o vizinho da vítima, chamado Aloísio (ontem a polícia ainda não tinha seu sobrenome), conhecido como ‘‘Pirilampo’’. O crime aconteceu em frente ao Bar e Lanchonete do Tiãozinho, na Rua Guilherme de Almeida, 1.595. Segundo o delegado Jorge Barbosa, que atendeu à ocorrência, Pirilampo teria tido um caso com a mulher de Valério, que também está foragida.
A vítima recebeu cinco facadas, nas costas, peito, pescoço e braço direito. O Siate foi chamado e chegou a dar início aos primeiros socorros, mas Natanael Valério não resistiu e morreu dentro da ambulância. O dono do bar onde aconteceu o crime, Sebastião do Patrocínio, contou que não houve discussão entre os dois vizinhos.
‘‘O Nei (apelido de Valério) estava sentado bebendo e o Aloísio estava ali na mesa de sinuca. De repente os dois saíram e logo depois vieram me falar o que tinha acontecido. Eu não vi nada, porque estava sozinho servindo o balcão’’, contou Patrocínio. Segundo ele, Valério estava acompanhado pela mulher no momento do crime.