Foz tem 2ª apreensão de pássaros em 2 dias
A Polícia Florestal fez ontem a segunda apreensão de pássaros silvestres criados ilegalmente em cativeiro em Foz do Iguaçu. Trinta e oito pássaros, de 14 espécies, estavam em uma casa na Vila Yolanda (região sul da cidade). O eletricista Lourenço Chzuchman, 44 anos, e seu genro, o frentista Jacques Douglas Bonet, 22, foram autuados e vão responder em liberdade por depósito clandestino de animais silvestes, cuja pena vai de seis meses a um ano de prisão. Anteontem, foram apreendidos, em uma chácara, 20 pássaros silvestres, um macaco-prego e um saguí. O dono da chácara, Francisco Scanholato, 60 anos, também foi autudado.