Vânia Moreira
De Umuarama
A diocese de Umuarama transferiu esta semana o padre Luiz Carlos Pintenho, da Paróquia São Paulo, aumentando a onda de boatos de que o padre também teria engravidado uma moça na cidade.
Em dezembro, o padre Márcio Priori, da Paróquia da Catedral, escandalizou os fiéis ao admitir durante uma missa que havia engravidado uma paroquiana e que iria assumir a paternidade, mas não pretendia abandonar o sacerdócio.
Priori está afastado e a diocese ainda não decidiu para qual paróquia ele será transferido.
O bispo dom Frederico Heimler informou que o padre Pintenho foi transferido devido a reclamações da comunidade quanto à sua conduta moral, mas não quis dar maiores detalhes sobre o que Pintenho estaria fazendo de reprovável. ‘‘A transferência de padres é uma medida rotineira’’, afirmou.
Há dois anos em Umuarama, o padre costuma frequentar festas, bailes e tem muitas amizades. Segundo o bispo, a diocese não tem conhecimento de nenhum caso ligando o padre a relacionamentos amorosos ou gravidez.
O padre está de férias, viajando, e quando voltar deverá assumir a paróquia da cidade de São Tomé (103 km a nordeste de Umuarama).