|
  • Bitcoin 234.135
  • Dólar 5,5204
  • Euro 6,2669
Londrina

DIAGNÓSTICO 5m de leitura Atualizado em 22/04/2020, 22:14

Farmácia e laboratórios em Londrina fazem testes para COVID-19

Valores dos exames chegam até R$ 350; serviço é disponibilizado nas unidades, em casa ou via drive-thru

PUBLICAÇÃO
quarta-feira, 22 de abril de 2020

Micaela Orikasa - Grupo Folha
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

A procura por exames que detectam o Sars-CoV 2 tem sido intensa em Londrina. Muitas pessoas estão recorrendo a laboratórios privados e ao teste rápido comercializado em farmácias. A FOLHA fez uma busca por esse serviço pela cidade e constatou que nos principais laboratórios a busca pelo serviço tem sido constante.  

O exame de RT-PCR (biologia molecular), que identifica o vírus que provoca a Covid-19 logo no início dos sintomas, é realizado somente com pedido médico. Ele consiste na coleta de uma amostra da secreção da nasofaringe. Essa investigação laboratorial é considerada o “teste ouro” para a doença e demora cerca de 72 horas para os resultados.  

Em Londrina, nos laboratórios consultados o exame custa R$ 350. Se a coleta for domiciliar, pode haver uma cobrança extra de, em média, R$ 60. Por conta da alta procura, o  serviço domiciliar deve ser agendado com antecedência de pelo menos um dia.  Dos laboratórios consultados, oferecem o serviço Sabin Medicina Diagnóstica, Laboratório Clinilab, Cetel Centro de Análises Clínicas e Lab Imagem. 

TESTES RÁPIDOS

Outro serviço que tem tido bastante procura nas últimas semanas é o teste rápido sorológico que pode ser encontrado em farmácias, além dos laboratórios particulares. Uma pequena amostra de sangue da pessoa é coletada e analisada para identificar os anticorpos (IgM/IgG) que o organismo produz como defesa ao vírus.  

Em Londrina, entre as principais redes de farmácia somente a rede Vale Verde disponibiliza o teste. O atendimento é feito no sistema drive-thru através de containers instalados em três unidades (Av. Leste Oeste, 1398; da Av. Inglaterra, 528 e na unidade da Av. Ayrton Senna da Silva, 830). Os resultados ficam prontos por volta de 20 minutos. 

Outra opção é solicitar o teste em casa, por meio do Farma Móvel. Os agendamentos devem ser feitos pelo Whatsapp (43) 99692-0050 e o valor varia de R$ 199,90 a R$ 250.  “Caso o exame dê positivo, a Vigilância Epidemiológica é notificada imediatamente. Em casos graves, é feito o encaminhamento médico imediato, mas se o paciente não for do grupo de risco ou apresentar sintomas graves, é orientado a fazer o isolamento por 14 dias”, explica o gerente de operações da rede, Cristian Leonardi Portela.  A Vale Verde informa que o teste aplicado é o Hilab, registrado na Anvisa e autorizado para a realização em todo o Brasil. 

Dos laboratórios locais (Sabin, Lab Imagem, Cetel e Clinilab) que também fazem o teste rápido, os valores variam de R$ 280 a R$ 300 e também há disponibilidade para atendimento domiciliar (mediante taxa extra) e em um deles há o serviço via drive-thru, na Lab Imagem unidade Palhano.  

ORIENTAÇÃO

O Ministério da Saúde orienta que os testes rápidos devem ser feitos apenas após o sétimo dia do início dos sintomas respiratórios, como tosse, dificuldade para respirar, congestão nasal e dor de garganta, para detectar a presença de anticorpos, e reforça que o teste é qualitativo para triagem,devendo ser utilizado  como ferramenta para auxílio no diagnóstico do novo coronavírus. 

instagram

ÚLTIMOS POSTS NO INSTAGRAM