|
  • Bitcoin 103.220
  • Dólar 5,3317
  • Euro 5,5605
Londrina

Cidades

m de leitura Atualizado em 01/06/2022, 17:38

Empresa londrinense fará reforma do aterro do Igapó por R$ 1,2 mi

Entre as melhorias previstas estão a construção de calçadas, passarelas de concreto, serviços de acessibilidade e instalação de mobiliários

PUBLICAÇÃO
quarta-feira, 01 de junho de 2022

Pedro Marconi - Grupo Folha
AUTOR autor do artigo

Foto: Pedro Marconi - Grupo Folha
menu flutuante

Uma empresa que tem sede em Londrina venceu o edital que prevê a revitalização do Aterro do Lago Igapó, na zona sul, com proposta de R$ 1,2 milhão, cerca de R$ 100 mil a menos do que o município pretendia investir. Uma empreiteira de Bocaiúva do Sul (Região Metropolitana de Curitiba) também havia participado da licitação após ser habilitada, mas perdeu ao apresentar um valor R$ 50 mil maior que a construtora declarada vencedora.  

Após a assinatura da ordem de serviço - prevista para as próximas semanas - serão seis meses de prazo para a realização das obras. Entre os trabalhos previstos estão a execução de novas calçadas, intervenções de acessibilidade, como piso tátil, mobiliário urbano com bancos, aparelhos para exercícios e brinquedos do parque infantil, além da instalação de floreiras. Também será realizada a sinalização de ciclovia. 

Atualmente, a área de lazer apresenta problemas em vários trechos de calçada, com a estrutura desnivelada, quebrada, com rachaduras e raízes de árvores expostas. “Já tenho mais de 70 anos e prefiro fazer caminhada no lago dois ao invés do aterro em razão dos riscos. Lá reformaram recentemente e aqui ainda não. Então, essa calçada afugenta as pessoas de mais idade e é um risco para crianças tropeçarem e cair”, analisou o administrador aposentado Raimundo Reis. 

Calçadas apresentam rachaduras e desníveis Calçadas apresentam rachaduras e desníveis
Calçadas apresentam rachaduras e desníveis |  Foto: Pedro Marconi - Grupo Folha
 

A parte de esportes também demanda melhorias. A arquibancada, por exemplo, está com bancos faltando. “Aqui é um lugar importante para a cidade por ser uma opção para praticar esportes e se divertir ao ar livre entre amigos e família, em especial aos fins de semana, como é o meu caso. Tudo que vem para melhorar é bem-vindo. A arena de esportes precisa de obras e que tudo vire realidade logo e sem atrasos”, destacou a estudante de psicologia Andreza Bárbara. 

LEIA TAMBÉM: Empresa é notificada por demora para iniciar obra na Santos Dumont

PASSARELAS 

As passarelas sobre o rio e a canaleta de drenagem serão trocadas por estruturas de concreto. Uma trilha com placas de concreto será criada para pedestres, levando da rua Bento Munhoz da Rocha Neto até a rua Professor Joaquim de Matos Barreto, perto dos campos. “Com a reforma dos passeios, incluindo acessibilidade, e a implantação de mobiliário urbano, a utilização desta área será ampliada, proporcionando maior conforto e segurança a todos os frequentadores do local”, afirmou o município na justificativa da licitação. 

A reforma do aterro faz parte de outras ações promovidas na região, como a construção de calçada no lago igapó um, revitalização do igapó dois, a criação da terceira faixa para veículos na avenida Ayrton Senna e a duplicação da avenida Faria Lima.  

****

Receba nossas notícias direto no seu celular! Envie também suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link wa.me/message/6WMTNSJARGMLL1