|
  • Bitcoin 141.421
  • Dólar 4,8152
  • Euro 5,1446
Londrina

Cidades

m de leitura Atualizado em 20/04/2022, 16:25

CMTU recolheu 1.300 veículos irregulares ou abandonados

Cerca de 180 unidades que estão no pátio da Prefeitura de Londrina já podem ir para leilão

PUBLICAÇÃO
quarta-feira, 20 de abril de 2022

Reportagem local
AUTOR autor do artigo

Foto: Divulgação CMTU
menu flutuante

Desde julho do ano passado, quando começou a funcionar, o serviço de remoção de automóveis e motocicletas apreendidos em ações de fiscalização ou abandonados em via pública já encaminhou 1.301 veículos para o pátio do Prefeitura de Londrina. Deste total, 1.235 foram confiscados em decorrência de irregularidades de trânsito e 66 recolhidos das ruas por estarem em desconformidade com o Código de Posturas.

Do início da operação até o dia 13 de abril, foram retirados de circulação um carro e 52 motocicletas "baixados", que são veículos cuja comercialização e utilização se tornaram ilegais em função de danos irreparáveis ao chassi. No mesmo período, 862 motos e automóveis foram liberados do pátio.

Atualmente, o espaço – localizado na rua Luiz Beraldi, nas proximidades da PR-445, região sul – abriga 439 veículos, sendo 237 carros, 199 motocicletas e três caminhões. Mais de 300 unidades encontram-se no local há pelo menos 60 dias, tempo estabelecido na legislação para a venda dos itens recolhidos.

Aproximadamente 180 já estão aptos para leilão. No entanto, devido à quantidade ainda pequena de veículos nessa categoria, e considerando o intervalo necessário para cumprimento dos trâmites legais, a estimativa é que a primeira leva de comercialização ocorra em até 180 dias. “Um serviço de grande importância, já que veículos sucateados e abandonados deixaram de circular nas vias de Londrina, trazendo mais segurança à população. O objetivo é a continuidade dos trabalhos deixando as vias mais limpas, bem organizadas e seguras”, afirmou o presidente da CMTU (Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização), Marcelo Cortez.

LEIA TAMBÉM: Rotatórias na Gleba Palhano serão interditadas

LEGISLAÇÃO

De acordo com o texto, são considerados abandonados os automotores que estiverem estacionados em locais públicos há mais de 30 dias, assim como os automóveis irrecuperáveis largados há mais de dez dias. O prazo para caracterização do abandono tem início a partir da denúncia feita à CMTU pela população ou, ainda, pela a constatação do caso pelos agentes municipais. (Com informações da CMTU)

SERVIÇO - Denúncias podem ser feitas à companhia pelo telefone 3379-7607 ou pelo e-mail [email protected] 

Receba nossas notícias direto no seu celular! Envie também suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link wa.me/message/6WMTNSJARGMLL1.