|
  • Bitcoin 150.776
  • Dólar 4,9314
  • Euro 5,2146
Londrina

Cidades

m de leitura Atualizado em 13/04/2022, 09:00

Clínica de Atendimento à Mulher em Cambé amplia serviços

Para agendar uma consulta na nova estrutura é necessário ser encaminhado por uma UBS; a clínica funciona das 7h às 16h

PUBLICAÇÃO
quarta-feira, 13 de abril de 2022

Reportagem local
AUTOR autor do artigo

Foto: Divulgação/Prefeitura de Cambé
menu flutuante

A Clínica de Atendimento à Mulher já está funcionando com atendimento especializado em cuidados materno-infantis e conta com a Unilac (Unidade de Lactação de Cambé), um ambulatório especializado na implantação de DIU, consultas preventivas para câncer de colo de útero, vagina e mamas, além de oferecer ações educacionais e de nutrição materno-infantil. A inauguração ocorreu na última quarta-feira (06/04).

A coordenadora da clínica, Camila Ravagnani Rodrigues Bueno, explica que para agendar uma consulta é necessário ser encaminhado por uma Unidade de Saúde do município. Porém, para a implantação do DIU esse encaminhamento não é preciso. O público geral pode entrar em contato pelo telefone 3174-0531 ou pelo WhatsApp 3174-0325 ou comparecer diretamente à clínica, aberta das 7h às 16h.

Imagem ilustrativa da imagem Clínica de Atendimento à Mulher em Cambé amplia serviços Imagem ilustrativa da imagem Clínica de Atendimento à Mulher em Cambé amplia serviços
|  Foto: Divulgação/Prefeitura de Cambé
 

CUIDADOS PREVENTIVOS 

Segundo a coordenadora, a maior parte dos atendimentos da clínica são de cuidados preventivos. Bueno afirma que um dos benefícios do novo espaço é a flexibilidade maior em relação ao tratamento das pacientes “Muitas vezes a mulher não dispõe de tanto tempo para o cuidado preventivo, então trabalhamos de uma maneira que se adapta melhor aos horários e necessidades da paciente”, destaca. 

A clínica também promove atendimentos externos no consultório móvel, Ônibus da Saúde. “A programação dele é em bairros afastados e de difícil acesso, na zona rural ou em empresas. Parte das mulheres não fazem os exames preventivos porque estão em horário de trabalho, então contratamos a empresa, vamos até o local e fazemos os exames e damos o retorno todo online”, explica.

Bueno também conta que o ambulatório especializado na implantação de DIU é uma conquista muito grande para as mulheres do município. “É um ganho na parte do direito reprodutivo da mulher, de ter acesso a um método que é mais eficaz e de longa duração, para que ela possa se planejar”.

A clínica também oferece um pré-natal de amamentação, que prepara a mãe para os primeiros meses de vida do filho. Além disso, a clínica oferece um serviço de apoio às mães com dificuldades devido ao processo de amamentação no pós parto. O espaço também é um posto de coleta de leite humano, que é transferido para o banco de leite do Hospital Universitário.

“Além dos serviços materno-infantis trabalhamos com pacientes com ISTs (Infecções Sexualmente Transmissíveis) e rastreamos o câncer de colo de útero e de mama de mulheres que já tem uma pré-disposição”, acrescenta Bueno.

A diretora da Atenção Básica, da Secretaria de Saúde, Núbia Mara Mattos, afirma que a clínica é uma prioridade da Atenção Básica. “A nova estrutura proporciona o fortalecimento das políticas públicas e engrandece a importância da Atenção Básica na prevenção, proteção e promoção da saúde materno-infantil e do atendimento à mulher”, destaca.

Ela explica que antes da construção da clínica havia apenas o serviço do Unilac na Unidade Básica do Ana Rosa, sem estrutura própria. “Mais do que conforto, essa mudança proporciona um atendimento mais humanizado e acolhedor às mulheres cambeenses”.

Receba nossas notícias direto no seu celular! Envie também suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link wa.me/message/6WMTNSJARGMLL1.