O BICHO PEGOU -

'CelebriPets': cães e gatos influenciadores de Londrina

Muitos pets ganham páginas exclusivas nas redes sociais e superam seus tutores em número de seguidores

Laís Taine - Grupo Folha
Laís Taine - Grupo Folha

'CelebriPets': cães e gatos influenciadores de Londrina
Arquivo Pessoal
 

'CelebriPets': cães e gatos influenciadores de Londrina
Arquivo Pessoal
 

'CelebriPets': cães e gatos influenciadores de Londrina
Arquivo Pessoal
 

'CelebriPets': cães e gatos influenciadores de Londrina
Arquivo Pessoal
 

 

Licca e Muffin: gatos com personalidades diferentes
Licca e Muffin: gatos com personalidades diferentes | Arquivo Pessoal
 

'CelebriPets': cães e gatos influenciadores de Londrina
Arquivo pessoal
 

Uddy é um golden retriever que completou sete anos no início do mês
Uddy é um golden retriever que completou sete anos no início do mês | Arquivo Pessoal
 

Quem documenta a rotina nas redes sociais acaba incluindo também uma foto ou outra do animal de estimação, afinal, eles fazem parte do cotidiano e poucos resistem às poses despretensiosas que surgem no dia a dia. Porém, alguns desses pets ganharam página exclusiva e superaram seus tutores com milhares de seguidores apaixonados por animais de estimação. São os bichinhos influenciadores que se tornaram celebridades. 

 

Em todo o Brasil, há bichinhos que se destacam. A cadela Estopinha, por exemplo, tem quase 700 mil seguidores no seu perfil do Instagram. Ela tem como tutor o adestrador Alexandre Rossi, juntos eles fazem sucesso e já apareceram em diversos programas nacionais de televisão. Já o Chico, do perfil Cansei de Ser Gato, atrai os apaixonados pelos felinos. Com a sua personalidade rabugenta, o Chico já alcançou os 548 mil seguidores no Instagram. 


Ver essa foto no Instagram

Uma sexta feira cheia de amor pra vocês!!!

Uma publicação compartilhada por 🐶Uddy (@uddy_) em



Em menor proporção, Londrina também tem seus pets influencers. O cachorro Uddy, um golden retriever que completou sete anos no início do mês, é um dos mais carismáticos e é observado por 74 mil seguidores no Instagram. “Eu criei o perfil em 2014. Sempre gostei de foto e tirava muita foto dele, queria compartilhar com as pessoas, então comecei a postar. Na época, não tinha muito perfil de cachorro e ele começou a ter seguidores, mas nunca fiquei neurótica com número de curtidas ou visualizações”, afirma Karin Egashira, a tutora por trás das câmeras.  

Uddy é um golden retriever que completou sete anos no início do mês
Uddy é um golden retriever que completou sete anos no início do mês | Arquivo Pessoal
 




Ela conta que o perfil não tem viés comercial, mas reconhece a influência que Uddy tem sobre outros tutores. “As pessoas comentam quando eu posto o que comprei para ele, elas veem e compram, principalmente na parte saudável. Por isso, eu gosto de dar dicas do que eu faço para a saúde e bem-estar dele.” 


A alimentação do Uddy é o que mais causa estranhamento entre toda a rotina documentada. Ele só se alimenta de refeições naturais feitas pela tutora e não consome ração, quebrando muitos tabus sobre o assunto. “Quando ele tinha seis meses, não se acertava com nenhuma ração. Comecei a pesquisar, descobri sobre alimentação natural e passei a fazer a comida para ele”, comenta Egashira, que possui um quiosque que vende itens para pets em um shopping de Londrina.  

'CelebriPets': cães e gatos influenciadores de Londrina
Arquivo Pessoal
 


Além da alimentação, também divulga sobre a importância da doação de sangue para cachorros e sobre cães abandonados, mas nunca com pedidos de ajuda financeira. Todas os assuntos são abordados de forma natural por fazerem parte da rotina do Uddy.  “Eu acordo cedo, vou caminhar com ele, tomo café, faço as minhas coisas e a gente vai trabalhar. Eu tenho o privilégio de levá-lo para o trabalho comigo, então, o máximo que ele fica sozinho é no período de uma ou duas horas”, relata.  


CÃO ESPECIAL 

Pela imponência da própria raça e por ser conhecido, muitas pessoas pedem para tirar fotos com o cachorro, o que exige cuidado, porque Uddy é surdo e sensível ao toque. “No shopping usa um colete com aviso: ‘se possível, não toque’, porque ele se assusta muito. Muita gente já segue e conhece, sabe da das limitações, então eles perguntam se pode tocar, pode mexer”, comenta.  

'CelebriPets': cães e gatos influenciadores de Londrina
Arquivo Pessoal
 


Uddy (@Uddy_) foi escolhido entre os irmãos e Egashira só ficou sabendo que ele era surdo depois. “Ele que me escolheu, na verdade. Sempre tive cachorro, mas um cachorro especial foi a primeira vez, exige mais cuidado, aprendi muita coisa com ele, hoje já tiro de letra”, afirma.  


GATIFICANDO AS REDES SOCIAIS

 

Licca e Muffin: gatos com personalidades diferentes
Licca e Muffin: gatos com personalidades diferentes | Arquivo Pessoal
 



“Eu nunca quis ter animal de estimação, porque a gente mora em apartamento. Não que eu não gostasse, mas não queria para dentro da minha casa". Até entrar a primeira gata, Licca, adotada depois de insistência da filha, que tinha 11 anos na época.    


Daniela Ferraro Takemura, 45, não só aceitou a proposta, como entrou de cabeça no universo felino. "A gente pega um amor; não sabia nada de gatos, recebi uma aula com  vizinhas que já tinham, fui pesquisar, tinha curso de felinos, aprendi junto com a Licca como é conviver com um gato em casa", relata.  

'CelebriPets': cães e gatos influenciadores de Londrina
Arquivo Pessoal
 


Na convivência e descobertas, muitas fotos para registrar cada momento. “Como que eu ia guardar aquele monte de foto? Aí eu vi que existia Instagram de bichos, pensei: ‘vou criar um pra Licca’”, conta. O perfil hoje tem mais de 19 mil seguidores e teve que ser atualizado, porque Takemura não só aprovou a convivência, como adotou outro gato, o Muffin.  


 Dois gatos com personalidades muito diferentes. Enquanto Licca é ‘sistemática’, como definiu a tutora, o Muffin é mais dengoso e adora carinho. A junção dos dois rende bastante fotos para a conta. “Como eu comecei a compartilhar, apareceram outras ‘mães de gatos’ e nós formamos uma panelinha no grupo do WhatsApp para tirar dúvidas. Quando vi, foi crescendo, bastante gente interessada e marcas começaram a aparecer também”, menciona.  


A partir dos dois mil seguidores, alguns estabelecimentos começaram a mostrar interesse em ter seus produtos divulgados no perfil. “Eles mandavam os produtos como presente, a gente tira foto do que eles usam”. Porém, responde não ter trocas comerciais, como um negócio. “É tudo como parceria. Eles já usavam uma areia que eu gostava muito e a marca perguntou se podia mandar, eu aceitei.”  

'CelebriPets': cães e gatos influenciadores de Londrina
Arquivo Pessoal
 


Ela diz que continua fazendo o que fazia desde o início: registrar a rotina dos gatos. “Se eu coloco uma roupinha, uma bandana, se estão fazendo alguma coisa diferente eu já filmo. Não tem uma rotina, porque gato cada hora está de um jeito, tem dia que está correndo e pulando e no outro está mais calmo, quer mais sossego”, afirma.  


A tutora conta que a maioria dos seguidores é de pessoas que já possuem gato em casa e querem saber como podem melhorar a rotina dos felinos ou de pessoas que simplesmente simpatizam com os bichanos. O perfil dos gatos londrinenses é @Cat_Licca_and_Muffin. 



Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito

Tudo sobre:

Assine e navegue sem anúncios [+]

Últimas notícias

Continue lendo