|
  • Bitcoin 118.060
  • Dólar 5,2124
  • Euro 5,3411
Londrina

Cidades

m de leitura Atualizado em 01/08/2022, 16:05

Cambé vai lançar licitação em até dez dias para luminárias de LED

Prefeitura quer dar andamento para modernizar iluminação pública de toda a cidade até 2024; Apucarana e Ibiporã já iniciaram o processo

PUBLICAÇÃO
domingo, 31 de julho de 2022

Pedro Marconi - Grupo Folha
AUTOR autor do artigo

Foto: Arquivo Folha
menu flutuante

A Prefeitura de Cambé (Região Metropolitana de Londrina) deverá publicar até o final da primeira quinzena de agosto a licitação para contratar uma empresa para instalação de lâmpadas de LED. Além da mão de obra, a contratada ainda será responsável por fornecer os materiais e garantir a manutenção por cinco anos. “Foi feito um levantamento técnico, termo de referência e vamos contemplar a PR-445 no trecho urbano da cidade e mais de 212 ruas internas. Estamos tomando todos os cuidados para comprar equipamentos de qualidade”, destacou Manoel Cícero dos Santos, secretário municipal de Obras. 

LEIA TAMBÉM:

+  Praça de pedágio de Arapongas vira alvo fácil de ladrões e vândalos

Londrina Iluminação apresenta projeto para instalar LED na 445

A projeção do poder público é deixar o município com 100% LED até 2024. O custo previsto é de R$ 23 milhões. Em 2020 já haviam sido substituídos aproximadamente cinco mil pontos de luz de mercúrio ou sódio por Diodo Emissor de Luz em algumas vias do centro, marginal da rodovia e nos bairros Ana Rosa, Santo Amaro e Bandeirantes. Segundo Santos, foram economizados R$ 9 milhões, dinheiro que está sendo usado na segunda etapa do projeto. 

“Essa etapa vai demandar R$ 7,5 milhões e vai contemplar as ruas e avenidas em que passam as linhas de ônibus, onde ficam creches, postos de saúde, escolas, centros comunitários, praças e alguns bairros críticos de iluminação, que são o Golden Park, Montecatini e o Cristal”, elencou. “Esse projeto não vai onerar os cofres do município. O dinheiro que vamos economizar com o LED será reinvestido para ampliar.” 

A vida útil do LED é três vezes maior do que as luminárias de mercúrio e sódio. Também é menos poluente. “O LED é muito mais do que apenas estética da cidade, de urbanismo. Envolve segurança pública. Uma cidade bem iluminada é uma cidade muito mais segura. Tanto que está dentro do plano de segurança pública do nosso governo. Onde tem luz não tem desocupado", lembrou o prefeito Conrado Scheller. 

IBIPORà

Até setembro Ibiporã (Região Metropolitana de Londrina) planeja estar com a cidade totalmente iluminada com LED. Esse é o prazo máximo da empresa contratada para fazer o serviço. Em quatro meses, aproximadamente seis mil lâmpadas já foram substituídas, cerca de 80% do total. Do investimento de R$ 6 milhões, já foram pagos R$ 4 milhões. 

Ibiporã planeja estar totalmente iluminada com LED até setembro Ibiporã planeja estar totalmente iluminada com LED até setembro
Ibiporã planeja estar totalmente iluminada com LED até setembro |  Foto: Núcleo de Comunicação Social/PMI
 

APUCARANA 

No final do mês passado, a Prefeitura de Apucarana (Centro-Norte) começou a implantar a iluminação de LED na BR-369, na saída para Londrina. São mais de três quilômetros, que vão do viaduto do Contorno Norte até a divisa com Londrina. Vão ser colocados 123 postes, totalizando 468 luminárias.  

Em Apucarana, implantação começou no mês passado Em Apucarana, implantação começou no mês passado
Em Apucarana, implantação começou no mês passado |  Foto: Divulgação Prefeitura de Apucarana
 

O trabalho será executado em três etapas. O município também vai substituir a lâmpada em avenidas marginais. O município pretende gastar R$ 6,7 milhões para ter o LED em 4.105 luminárias de diversos bairros. 

****

Receba nossas notícias direto no seu celular! Envie também suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link wa.me/message/6WMTNSJARGMLL1.