Ano letivo da UEL começa na segunda-feira em sistema remoto

Atividades presenciais estão suspensas até dezembro; os mais de 3 mil ingressantes, aprovados no último vestibular, serão recepcionados virtualmente pelos colegiados de cursos

Reportagem local
Reportagem local

Cerca de 13 mil estudantes dos 54 cursos de graduação da UEL (Universidade Estadual de Londrina) retomam às aulas a partir da próxima segunda-feira (2), dando início ao ano letivo 2021 em formato remoto emergencial, conforme resolução aprovada pelo Cepe (Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão). Os mais de 3 mil ingressantes, aprovados no último vestibular, serão recepcionados pelos colegiados de cursos de graduação.


 

Ano letivo da UEL começa na segunda-feira em sistema remoto
Gustavo Carneiro - Grupo Folha
 


O ano letivo 2021 prossegue até 15 de dezembro de 2021. O segundo semestre será de 24 de janeiro de 2022 a 23 de junho do próximo ano. Segundo a pró-reitora de Graduação, professora Marta Favaro, neste primeiro semestre estão planejadas ações remotas, com algumas exceções para atividades presenciais, caso de cursos da área de saúde, que demandam aulas práticas ou internatos. Nestes casos, as atividades são reguladas por resolução da Sesa (Secretaria Estadual de Saúde), com cumprimento de protocolos sanitários por causa da pandemia de coronavírus.


Ela explica que os colegiados de cada curso elaboraram seus respectivos Planos Especiais de Matriz Curricular, que apresentam a oferta das atividades acadêmicas como aulas, estágios e eventos.


Segundo Favaro, as atividades são reguladas por atos executivos que consideram as medidas sanitárias e o estágio de vacinação da população. Diferente das redes públicas de ensino, que elaboraram retorno gradual, na universidade a atividade presencial dos estudantes está suspensa até dezembro deste ano. “Estamos observando o alcance vacinal na nossa comunidade estudantil. Considerando essa condição, os colegiados de cursos planejaram atividades remotas nesse primeiro semestre”, afirma.


HÍBRIDO EM 2022

A pró-reitora explica que, no caso dos estudantes da UEL, além da quantidade, uma boa parte mora fora de Londrina, o que exige estabelecer um protocolo seguro para receber todo o quantitativo. Dessa forma, o retorno presencial híbrido deverá ocorrer no segundo semestre, que começa em 24 de janeiro do próximo ano. “A partir de outubro teremos condições de avaliar a cobertura vacinal da comunidade estudantil com vistas ao planejamento do segundo semestre”, afirma.


RECEPÇÃO 

A Prograd e os colegiados de cursos prepararam uma recepção em formato virtual para os cerca de 3 mil ingressantes da UEL. Os estudantes poderão entrar nos sites de seus respectivos cursos para acompanhar a programação específica, com atividades culturais e acolhimento. A programação completa da Semana poderá ser acompanhada aqui.  


Os ingressantes do Vestibular 2021 e do Sisu precisam estar atentos aos procedimentos necessários logo neste início de atividades. Na primeira semana de aula (de 2 a 6 de agosto), os novos alunos da UEL deverão fazer a confirmação de matrícula, via Portal do Estudante de Graduação.


Os ingressantes poderão criar o e-mail da universidade – @uel – via Internet. Todos os detalhes estão no site da Prograd. (Com informações da Agência UEL)


Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito
Assine e navegue sem anúncios [+]

Últimas notícias

Continue lendo