A maior usina de xisto do País


Maigue Gueths  Equipe da Folha
Maigue Gueths Equipe da Folha

Curitiba - A Unidade de Negócio de Industrialização do Xisto (SIX), da Petrobras, localizada em São Mateus do Sul (Sudeste) está sobre uma das maiores reservas mundiais de xisto, a Formação Irati, que abrange os estados de São Paulo, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Mato Grosso do Sul e Goiás.
Os principais produtos obtidos a partir da industrialização do xisto são óleos combustíveis industriais, indicados para uso industrial em centros urbanos; e o gás de xisto, que alimenta os fornos da indústria produtora de revestimentos cerâmicos vizinha à SIXs. O xisto gera, ainda, em menor escala, nafta e enxofre, além de uma série de produtos que podem ser aproveitados por diversos segmentos, como a indústria cimenteira, de cerâmica e agricultura.
A Petrobras não revela dados sobre a produção da usina. Procurada pela reportagem, a empresa disse que não costuma divulgar números do setor nem perspectivas de investimento e produção. Pesquisa feita em fontes pela internet mostram que a SIX processa diariamente 7,8 mil toneladas de xisto betuminoso, que geram 480 toneladas de óleo combustível, 120 toneladas de gás combustível, 45 toneladas de gás liquefeito, 90 toneladas de nafta e 75 toneladas de enxofre.
O Brasil tem a segunda maior reserva de xisto do mundo, só perdendo para os Estados Unidos. Para ter uma ideia, a mineração de todo xisto brasileiro renderia 800 bilhões de barris de óleo. Os números são bem superiores aos já divulgados pela Petrobras. Segundo a empresa, nas nove áreas trabalhadas, o xisto existente seria suficiente para a produção de 2,8 bilhões de barris de óleo, 19,7 milhões de toneladas de gás liquefeito de xisto (GLX), 95,8 milhões de metros cúbicos de gás combustível e 43,6 milhões de toneladas de enxofre.
Produção
O xisto é uma rocha sedimentar que contém querogênio. Ao ser levado a temperaturas muito elevadas, libera um óleo semelhante ao petróleo e também gás. A SIX, como é chamada a unidade, ocupa uma área de 7 milhões de metros quadrados e é considerada uma das mais importantes do mundo na exploração do mineral. Na região de São Mateus do Sul há duas camadas de xisto: uma superior com 6,4 metros de espessura e 6,4% de teor de óleo, e outra inferior com 3,2 metros de espessura e teor de óleo de 9,1%.

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito

Tudo sobre:

Últimas notícias

Continue lendo