Quando se pensa em fazer uma reforma, a primeira preocupação é com a parte decorativa, como pintura e outros detalhes de acabamento. E, a parte elétrica, como fios, cabos, disjuntores acabam não sendo prioridade, embora representem apenas 3% do orçamento de uma obra. Atenta aos cuidados internos dos ambientes, a Schneider Electric, especialista na gestão de energia, apresenta dicas para uma reforma elétrica com segurança.
''É preciso se preocupar com a qualidade dos produtos e a experiência dos técnicos que serão responsáveis pela supervisão durante a instalação elétrica de uma residência. Esses fatores merecem atenção especial, pois podem evitar acidentes e complementam a segurança dos moradores'', alerta Cláudio Velano, gerente de treinamento da Schneider Electric Brasil.
Outro ponto importante, além da utilização de produtos de alta qualidade, diz respeito aos profissionais envolvidos no projeto. Muitos deles desconhecem processos de um sistema elétrico e realizam trabalho que não se enquadra nas normas, sem o uso de disjuntores, painel de distribuição e outros elementos que garantem total segurança da fiação. Por isso, a recomendação é para os consumidores buscarem especialistas, como técnicos ou engenheiros elétricos.
Durante a instalação as cores dos fios devem ser verificadas e seguir as normas. Os fios azuis-claros devem ser neutros, o verde utilizado para terra e as outras cores para o condutor de fase. Outro uso obrigatório é o disjuntor diferencial residual, um produto que junta duas funções: a do disjuntor termomagnético, que protege os fios do circuito contra sobrecarga e curto-circuito e do dispositivo residual. Este protege contra choques elétricos que são provocados por contato direto ou indireto com a carga elétrica.
Além disso, é necessário separar os circuitos de tomadas de uso geral e de iluminação, para evitar curtos-circuitos. As tomadas de uso específico, como chuveiros, torneiras elétricas, máquina de lavar, entre outros, também devem ter circuitos separados.
O especialista ainda orienta a ficar atento a circuitos antigos e sobrecarregados para evitar fuga de energia. Na maioria das vezes o acidente é causado por iluminações da parte externa do ambiente que possuem fios descascados. ''É muito importante isolar bem os fios de pontos de luz, escadas e objetos condutores de energia para que nenhum imprevisto aconteça. Nesses casos, a energia é desviada para objetos como portões, por exemplo, e se alguém encostar levará um choque'', complementa Velano.


Foto: Shutterstock

Imagem ilustrativa da imagem SERVIÇO - Fiação elétrica merece atenção especial
Durante a instalação elétrica as cores dos fios devem ser verificadas e seguir as normas: fios azuis-claros devem ser neutros, o verde utilizado para terra e as outras cores para o condutor de fase