Aparelhos de ar condicionado já não são considerados peças secundárias. Eles estão ligados ao bem-estar e ao bom aproveitamento no trabalho
Morar no Paraná significa viver as oscilações drásticas de tempo e temperatura, que ocorrem com frequência e de maneira intensa. Por isso, a instalação e utilização do ar condicionado é fundamental nos projetos de arquitetura.
No verão há um aumento significativo nas vendas do aparelho. De acordo com os sócios Igor Kaufeld e Guilherme Maia, da Tech House Air, de Curitiba, é nesta época que os indecisos tendem a fechar os negócios de compra do produto. ''É o sistema mais indicado para quem quer resfriar um ambiente, uma vez que o arrefecimento é rápido'', explica Kaufeld.
Mesmo nas estações mais brandas, a arquiteta Emanuelle Cancela recebe de seus clientes o pedido de adicionar o aparelho ao projeto, ou, quando não acontece, ela mesma sugere a instalação. ''Geralmente, o cliente solicita logo no início do projeto a instalação do ar condicionado, principalmente nos ambientes mais utilizados, tanto em obras residenciais quanto nas corporativas. Em ambos os casos, o profissional tem que direcionar o cliente para que ele compre máquinas que supram todas as necessidades e que ofereçam um bom consumo'', afirma.
Segundo Emanuelle, o uso do eletrônico está ligado diretamente à qualidade de vida e, por isso, não deve ser avaliado como algo supérfluo. ''Considero o ar condicionado uma necessidade. Ninguém dorme bem ou recebe amigos em ambientes muito quentes ou muito frios. Na área corporativa, a climatização também interfere no rendimento dos funcionários. Em escritórios grandes, o diretor da empresa geralmente solicita bons equipamentos.''
Quando já existe a infraestrutura correta para a instalação do aparelho, é possível fazer a acomodação do ar condicionado em poucas horas, já que não se faz necessário a quebra de paredes. Mas, caso não tenha, pode-se levar mais tempo. ''Quando o cliente não possui a infraestrutura, a instalação requer mais trabalho, pois precisará quebrar paredes e forros para que a tubulação exigida para o aparelho seja instalada. Desta forma, a instalação completa pode levar de dois a três dias'', completa Guilherme Maia, da Tech House Air.
Outro fator importante é realizar o cálculo do BTU, que é a unidade de potência que mede a quantidade de energia que será necessária para refrigerar o ambiente. Para isso, orienta Maia, é preciso saber o número de pessoas que utilizam o espaço, a metragem da área, a incidência do sol e também o número de eletrônicos que se encontram no local. Todas essas informações são coletadas pelo técnico da empresa quando vai visitar o ambiente em que o ar condicionado será instalado.
Atualmente, segundo o empresário, os aparelhos inverter de ar condicionado estão entre os mais comercializados na loja. Com a proposta de menor consumo de energia, eles oferecem melhor desempenho, são silenciosos e trabalham com gás ecológico, afetando minimamente o meio ambiente.


Marcelo Stammer/Divulgação

Imagem ilustrativa da imagem SERVIÇO - Conforto para as quatro estações
As variações de temperatura tornaram o aparelho de ar condicionado fundamental no projeto de uma casa ou de uma empresa