A gravidez é um momento único na vida de uma mulher. É uma fase de transformações que exige algumas providências práticas, como organizar o enxoval e o quarto da criança. As mães querem que seus bebês sejam recebidos em um ambiente agradável e cheio de charme. E entre as escolhas necessárias talvez a mais difícil seja montar e decorar o quarto do novo membro da família.
Para a arquiteta Renata Pisani, de Curitiba, não existem tendências definidas para o quarto do bebê. O projeto, segundo ela, deve seguir um tema ou uma tonalidade específica, transmitindo acima de tudo tranquilidade e bem-estar.
''Os tons pastéis são indicados para o ambiente'', afirma a arquiteta, ressaltando que as tonalidades de rosa, lilás e acqua são muito procuradas para os quartos de menina e os azuis e verdes para os de menino.
As arquitetas Ester Kloss e Helaine Góes Pinterich, da Esphera Arquitetura, de Curitiba, ressaltam que há quem procure também por quartos coloridos, que são próprios para promover a estimulação da criança. Tudo depende das sensações que se deseja transmitir.
Elas destacam que a praticidade deve ser o carro chefe. ''O quarto tem de ser bonito, mas tem de durar. A poltrona ou a cadeira para amamentar, o trocador e algum local para enfeites, como os bichinhos de pelúcia, são indispensáveis, mas sem exageros'', dizem. Para elas, o ideal é fazer um quarto que se modifique facilmente com o crescimento da criança. ''Os pais pedem bastante isso'', atestam.
A arquiteta Renata Pisani salienta que a distribuição do layout é fundamental. A posição da cama ou do berço precisa ser favorável. ''Deve-se evitar de colocar o berço em baixo de janelas, pois sempre passa um vento gelado. É importante priorizar as circulações para que o quarto não fique prejudicado na sua funcionalidade, principalmente em quartos de bebês que ainda estejam em amamentação'', diz.
Os temas mais utilizados atualmente para os quartos de meninas são os que vislumbram o estilo provençal, além de princesas, flores e borboletas. Já para os de meninos, utilizam-se muito ursos, carros e itens de futebol.
As profissionais são unânimes ao afirmar que o toque especial do ambiente fica por conta da decoração. Para elas, o papel de parede oferece um grande diferencial, conferindo sofisticação e aconchego.
Além da funcionalidade e da beleza, é de suma importância incluir no projeto itens para garantir a segurança do bebê, não incluindo jamais materiais cortantes e com pontas. E quando a criança sai do berço é fundamental colocar grade na nova cama.
Alegria e delicadeza
A profissional de Educação Física Thalita Purga Cribari sempre se interessou por quartos de bebê, mesmo antes de engravidar. Para ela, ''o quarto da criança é um sonho''. E, como já era de se esperar, quando recebeu a notícia de sua primeira gravidez o seu interesse pelo assunto aumentou bastante. ''Buscava muitas ideias na internet e em revistas. Antes de saber o sexo do bebê procurava quartos mais neutros. Depois que fiquei sabendo que seria uma menina comecei a me inspirar em cores e temas femininos'', afirma a mãe da pequena Larrisa, que está com um mês de vida.
Ela optou por cores alegres, como o lilás, verde e rosa, que conferem ainda um ar de delizadeza. ''O nome da minha filha significa cheia de alegria e eu busquei um espaço que combinasse com isso'',
explica Thalita que cuidou carinhosamente de todos os detalhes e contou com a ajuda de profissionais para finalizar o projeto. (P.C.B.)



Fotos: Olga Leiria e Divulgação


Imagem ilustrativa da imagem CAPA - Os encantos do quarto do bebê
Imagem ilustrativa da imagem CAPA - Os encantos do quarto do bebê
A arquiteta Renata Pisani, à pedido dos pais da criança, incluiu uma cama em formato de carro. Para combinar com o tema, colocou almofadas e barrado de cortina simulando a bandeirada de chegada em uma prova de corrida. Os nichos adesivados com placas de ''Stop'' conferem cor ao ambiente.
Imagem ilustrativa da imagem CAPA - Os encantos do quarto do bebê
Seguindo a linha clássica, a ideia das arquitetas Fernanda Borio e Mariana Stockler foi criar um espaço sereno e ao mesmo tempo inovador. Por isso, a marcenaria tem um toque clássico; atrás do berço o painel com pontos de led dá um toque de modernidade. As cores utilizadas foram bege, branco e rosa. Os móveis são unissex para que possam ser aproveitados por outro bebê.
Imagem ilustrativa da imagem CAPA - Os encantos do quarto do bebê
O quarto é todo branco com detalhes lilás e amarelos em peças acrílicas que acomodam os pertences do bebê. A cor lilás também foi colocada no papel de parede para transmitir delicadeza e sofisticação. O projeto leva a assinatura da Espreha Arquitetura
Imagem ilustrativa da imagem CAPA - Os encantos do quarto do bebê
As profissionais da Esphera Arquitetura, Ester Kloss e Helaine Góes Pinterich, projetaram um quarto em estilo provençal, em base branca, com papel de parede bege. As roupas de cama com detalhes mais trabalhados e os espaços em círculos para os bichinhos oferecem um diferencial.
Imagem ilustrativa da imagem CAPA - Os encantos do quarto do bebê
O quarto foi idealizado pela mãe da criança, que contou com profissionais para idealizar o projeto. A opção foi por cores alegres, como o lilás, verde e rosa, que conferem ainda um ar de delicadeza
Imagem ilustrativa da imagem CAPA - Os encantos do quarto do bebê
Desde que descobriu a gravidez, a profissional de educação física Thalita Cribari começou a pensar no quarto da filha Larissa
Imagem ilustrativa da imagem CAPA - Os encantos do quarto do bebê
Imagem ilustrativa da imagem CAPA - Os encantos do quarto do bebê
Os nichos redondos conferem originalidade ao projeto e destacam as bonecas coloridas que foram desenvolvidas especialmente para o quarto de bebê projetado pela arquiteta Luiza Bohrer para o apartamento decorado do empreendimento Florais, da Plaenge.
Imagem ilustrativa da imagem CAPA - Os encantos do quarto do bebê
Imagem ilustrativa da imagem CAPA - Os encantos do quarto do bebê
O ambiente é todo em estilo provençal em tons de rosa antigo, bege e branco. O papel de parede rendado na cor bege confere delicadeza ao local. As saias da cama e do berço com bordado inglês, também aplicado nas almofadas, completam a decoração. ''Os quadros de flor dão um toque feminino ao ambiente'', afirma a arquiteta Renata Pisani, responsável pelo projeto.