A Renault apresentou esta semana à imprensa a segunda geração do Sandero, hatch compacto que já ultrapassou as 500 mil unidades vendidas desde seu lançamento no Brasil, há sete anos. De cara nova e mantendo o amplo espaço interno, o novo Sandero chega, surpreendentemente, mais barato que o modelo atual. A versão de entrada, Authentique, custa R$ 29.890, R$ 660 a menos que sua equivalente da primeira geração.

Além da versão de entrada com motor 1.0, o novo Sandero foi apresentado nas versões Expression 1.0 e 1.6 e na top de linha, Dynamique 1.6. O motor 1.0 recebeu melhorias que acabaram elevando um pouco a potência, mas a montadora reforça que o foco foi a economia.

Imagem ilustrativa da imagem Novo Sandero chega mais barato mirando o top 3 do segmento
| Foto: Divulgação



No design, o Sandero recebe a mesma grade frontal do novo Logan, onde a logo da marca fica ressaltada. A traseira, que perdeu volume, lembra a de alguns concorrentes de outras marcas.

O novo modelo chega às concessionárias de todo o País em 15 dias, quando inicia sua missão de alcançar o top 3 de vendas do segmento de hatchs compactos, ocupado hoje por Onix, Fiesta e HB20. Leia mais sobre o lançamento na edição de domingo do caderno Carro&Cia.

A repórter viajou a Florianópolis a convite da Renault