A Renault do Brasil comercializou 150 veículos durante o Salão do Automóvel de São Paulo. Foi o modelo Kangoo Express 1.6 que registrou o maior número de vendas, com 28 unidades comercializadas, seguido do Scénic RT, com 27 carros, do Clio RN 1.0, com 19 unidades e do Twingo, com 15 carros. O aumento de vendas em relação ao Salão de 1998 foi de 114%, quando foram comercializados 70 carros. Este crescimento deve-se, além da maior oferta de modelos, principalmente ao sistema de avaliação de carros usados no próprio Salão. Além das vendas efetivadas no Salão, a Renault cadastrou 4.010 nomes de potenciais compradores. ‘‘Apesar de o Salão ser uma oportunidade de exposição da marca e sua linha de produtos, o evento representou também um excelente ponto de venda para a Renault’’, conclui Michel Rousset, diretor de vendas da rede Renault.