Inteirior reúne conforto e muita luminosidade A estrutura em monobloco permite uma otimização no interior do veículo. A tecnologia é discreta O formato em monobloco do Koleos permitiu a otimização do espaço interno. A primeira impressão no interior do habitáculo ‘‘é de conforto, bem-estar e luminosidade’’, de acordo com texto distribuído pela assessoria de imprensa da Renault do Brasil. Para uma maior iluminação dentro do veículo, o pára-brisa é prolongado por duas faixas de vidro de cada lado do teto. Os quatro assentos são confeccionados em folhas de carbono envoltos em couro. Isso para aliar estética e ergonomia. Os bancos são costurados à mão, lembrando a concepção das selas de montaria e o trabalho em couro é realizado pela famosa empresa Connoly. A parte da base e a traseira dos assentos estão colocadas sobre quatro macacos amortecedores. As folhas de carbono adaptam-se à pressão do corpo dos ocupantes e otimizam o conforto. Apesar do modelo demonstrar uma característica de hatch top de linha, o design também demonstra sua vocação todo terreno. O visual é traduzido como ‘‘aventureiro’’. O estilo compacto e a distância do solo fazem do Koleos um veículo robusto. As proteções ao longo dos pára-lamas envolvem rodas com um diâmetro de 21 polegadas. A tenologia está presente, com discrição, em todo o veículo. As funções essenciais (ar quente, ar condicionado, rádio, sistema de navegação e outros) são gerenciados por um monitor de comando vocal. O sistema permite selecionar a função desejada e operar a escolha por meio de um comando. Da mesma forma, os faróis em formato de ogiva apelaram pra uma tecnologia recente originada em pesquisas feitas pela empresa francesa, Megalux, dentro do setor da ótica fluida. O fluxo de luz penetra numa ótica fluida diótrica. Ou seja, a luz é canalizada e dirigida para a meia ogiva inferior (luz baixa, ou de cruzamento) ou para a meia ogiva supeirior (luz alta ou de estrada).